Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Capacidade pulmonar continua sendo afetada até 30 anos após parar de fumar

O declínio da capacidade pulmonar (natural com o envelhecimento) de um ex-fumante é maior do que o de quem nunca consumiu cigarro  - iStock
O declínio da capacidade pulmonar (natural com o envelhecimento) de um ex-fumante é maior do que o de quem nunca consumiu cigarro Imagem: iStock

Do VivaBem

13/10/2019 13h32

Algumas pessoas acreditam que o pulmão não demora muito para se recuperar dos estragos feitos pelo cigarro após parar de fumar e também há quem acredite que consumir poucos cigarros por dia não é tão prejudicial ao órgão. Mas, uma nova revisão de estudos publicada no The Lancet mostra que não é bem assim.

A pesquisa concluiu que a redução na função pulmonar (quantidade de ar que alguém consegue inspirar e expirar, que diminui naturalmente após os 20 anos de idade) de um ex-fumante é muito menor do que a de alguém que fuma até cinco cigarros por dia. Porém, ela é maior do que a de uma pessoa que nunca fumou, e pode levar até 30 anos para se igualar.

"As diferenças anatômicas dos pulmões e das atividades dos genes alterados por causa do cigarro persistem por anos após o abandono do hábito", alerta Elizabeth Oelsner, uma das autoras do estudo e professora de medicina da Universidade Columbia (EUA).

Como foi feito o estudo

  • Os cientistas avaliaram 25.352 pessoas com idade entre 17 e 93 anos, que participaram de seis estudos populacionais e fizeram ao menos duas espirometrias (exame que mede capacidade do pulmão) entre 1983 e 2014.
  • Eles descobriram que, em média, o declínio da função pulmonar de uma pessoa na meia-idade que nunca fumou é de 31,01 mL/ano. Já a de um ex-fumante é de 34,97 mL/ano e a de quem fuma é de 39,92 mL/ano.
  • Após ajustes dos dados, eles concluíram que é possível afirmar que há uma aceleração na redução da capacidade pulmonar de um ex-fumante de 1,82 mL/ano, em comparação com quem nunca fumou.
  • Já entre os fumantes, a aceleração na perda de capacidade pulmonar de quem consome cinco ou menos cigarros por dia é de 7,65 mL/ano; e a de quem fuma mais 30 cigarros por dia é de 11,24 mL/ano.

Saúde