Topo

Sem Frescura


Sem Frescura: vilão ou não? Leite é ruim e gera gases, cólicas e mal-estar?

Gabriela Ingrid

Do VivaBem, em São Paulo

30/09/2019 04h00

Qual o seu maior arqui-inimigo: o Thanos, do Vingadores, os boletos para pagar ou o leite? Acredite se quiser, muitos diriam que é o leite.

O leite se tornou o vilão da história de uns tempos para cá, mas será que ele faz mal mesmo?

Para algumas pessoas, sim, ele realmente causa um desconforto. Eu vou explicar por quê. O leite tem lactose, um carboidrato que só é absorvido e utilizado como fonte de energia se for quebrado por uma enzima chamada lactase. O problema é que algumas pessoas têm deficiência ou ausência dessa enzima no organismo, causando a já conhecida intolerância à lactose.

Se você tem intolerância e consome mais lactose do que o corpo aguenta, esse açúcar que não foi totalmente digerido é fermentado no intestino, causando diarreia, flatulência, cólicas e distensão abdominal.

E não é pouca gente que sofre com isso, não. No Brasil, estima-se que pouco mais de 40% da população adulta sofra de intolerância à lactose.

Além disso, há também quem tenha alergia à proteína do leite. Neste caso, o sistema imunológico reage todas as vezes que ocorre a ingestão do leite. Os sintomas de quem tem alergia podem ser mais pesados, como manchas vermelhas pelo corpo, inchaço nos olhos e boca, falta de ar, vômito e até choque anafilático.

Realmente, os adultos não precisam, necessariamente, tomar leite. A polêmica em torno dele é que é difícil conseguir uma quantidade tão grande de cálcio em outros alimentos.

Para se ter uma ideia, o indicado é que um adulto consuma uns 1000 mg do mineral por dia. Um copo de 200 ml de leite tem aproximadamente 300 mg de cálcio. Para a mesma quantidade de cálcio seriam necessárias 1 concha grande de feijão, seis colheres e meia de brócolis, 3 colheres de espinafre e 1,5 colher de couve refogada.

Mas para quem tem intolerância, alergia ou for vegetariano ou vegano, encha esse prato de folhas verdes, soja, tofu, gergelim e tahine.

Para o resto das pessoas, não, ele não é vilão. Os boletos são bem mais assustadores.

As informações do vídeo foram reunidas com a ajuda de Jéssica Sousa Dias, nutricionista do CRN-3 (Conselho Regional de Nutricionistas 3ª Região SP/MS); Conselho Federal de Nutricionistas; Sociedade Brasileira de Pediatria; World Gastroenterology Organization; TACO, 2011.

Acompanhe as informações do Sem Frescura toda segunda-feira, porque dá para ser saudável sem frescura.

Mais Sem Frescura