PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Banho quente antes de dormir ajuda a melhorar qualidade do sono

O banho pode ajudar a regular o relógio biológico interno - iStock
O banho pode ajudar a regular o relógio biológico interno Imagem: iStock

Do UOL VivaBem, de São Paulo

23/07/2019 04h00

Cientistas da Universidade do Texas, nos Estados Unidos, acreditam ter descoberto uma forma de melhorar a vida de quem sofre com a falta de sono: tomar um banho quente cerca de 90 minutos antes de ir para cama.

Publicado no periódico Sleep Medicine Reviews, o estudo foi realizado por engenheiros biomédicos, que analisaram diversas pesquisas feitas anteriormente ligando o aquecimento do corpo por meio de banhos mornos ou quentes (na banheira ou no chuveiro) a uma melhor qualidade do sono.

A análise mostrou que banhar-se em água entre 104 a 109 graus Fahrenheit (cerca de 40 °C a 42 °C) aproximadamente uma ou duas horas antes de dormir pode melhorar significativamente a sua noite de sono. Além disso, ele também ajuda a acelerar o processo de cair no sono em cerca de 10 minutos.

Como o estudo foi feito?

Os pesquisadores revisaram um total de 5.322 estudos em que pacientes contaram informações como o tempo que levam para ir da vigília total ao sono; o tempo total de sono; a eficiência do sono (ou seja, o tempo total de sono relativo ao tempo passado na cama tentando dormir); e a opinião pessoal sobre a qualidade do sono.

Por que isso é importante?

De acordo com os cientistas, a análise lançou um olhar mais objetivo a centenas de estudos já realizados ligando os benefícios da água quente para uma melhor qualidade do sono.

Já se sabia há algum tempo, por exemplo, que a temperatura corporal está ligada ao nosso "relógio biológico" interno, responsável por orientar diversos processos biológicos, como dormir e acordar.

Ao cair da tarde, uma pessoa normal apresentará uma temperatura ligeiramente mais alta (2 ou 3 graus Fahrenheit). Uma hora de antes de dormir, essa temperatura já terá caído cerca de meio a 1 grau, chegando ao seu ponto mais baixo durante a metade até o fim do sono. A partir daí, ela começa a subir, agindo como se fosse um despertador biológico.

Esse ciclo de temperatura funciona como um guia para o sono e mostrou-se fundamental para que a pessoa consiga dormir rapidamente e com qualidade.

Sabe-se também que banhos mornos ou quentes estimulam a termorregulação do corpo, melhorando a circulação de sangue para partes periféricas como mãos e pés, resultando em uma retirada mais eficiente de calor do corpo.

Com base nesses dados, após as análises, os cientistas concluíram que, se realizado no tempo biológico certo, ou seja, entre uma e duas horas antes de se deitar (90 minutos seria o tempo considerado ideal), o banho pode ajudar a regular esse ciclo e aumentar as chances não apenas de cair no sono rapidamente como também dormir com melhor qualidade.

Saúde