PUBLICIDADE

Topo

O poder dos alimentos

Seu prato torna sua vida mais saudável


O poder dos alimentos

Para soltar o intestino preso, beba muita água e coma aveia

Thamires Andrade

Do VivaBem, em São Paulo

19/01/2018 04h05

Costuma ficar mais de dois ou três dias sem ir ao banheiro? Então você pode ter intestino preso, quando há uma dificuldade de esvaziar o órgão. Isso pode acontecer por conta de algumas doenças, como diabetes e distúrbios na tireoide, que prejudicam os nervos dos músculos do intestino a fazerem os movimentos peristálticos, nome dado às ações para expulsar as fezes. Mas fezes endurecidas também é uma das causas do problema.

Se essa condição não estiver relacionada a nenhuma doença, então a alimentação é praticamente todo o tratamento necessário para que o órgão intestino volte a "funcionar". Abaixo, Orlando Ambrogini Junior, gastroenterologista e professor da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), e Vivian Ragasso, nutricionista esportiva do Instituto Cohen, listam os alimentos que podem ser consumidos para evitar a prisão de ventre e quais são aqueles que devem ser evitados.

O que consumir:

Aveia - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images
Aveia
O cereal é rico em fibras, que ajudam na formação das fezes. Como as fibras não são absorvidas pelo organismo, elas fazem parte da "sobra" que o intestino precisa eliminar. Quando em contato com a água, eles têm um efeito esponja, sugam o líquido e agem como um "gel". Isso faz com que as fezes fiquem mais amolecidas, facilitando o trânsito intestinal.

Água - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images
Água
O líquido é essencial para melhorar o trânsito intestinal, pois ajuda as fibras a formarem esse "gel" que ajuda no tráfego intestinal. Por isso, é importante consumir, em média, dois litros de água associada ao consumo de fibras.

Legumes e verduras - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images
Legumes e verduras
Esses alimentos também são ricos em fibras e são boas alternativas para alcançar o consumo de 25 a 30 gramas de fibra por dia. Dê preferência a consumir os alimentos in natura, assim, todas as fibras são preservadas, já que o processo de cozinhar faz com que o alimento perca um pouco delas.

Maçã - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images
Maçã
Esqueça a ideia de que a maçã prende o intestino. A fruta é rica em petcina, uma fibra solúvel que também vai ajudar no trânsito intestinal. Comê-la (ou qualquer outra fruta) com a casca e tudo também é mais uma maneira de absorver o máximo de fibras possível.

Mamão - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images
Mamão
Essa é a fruta mais falada quando o assunto é se livrar da prisão de ventre. Tudo porque ela possui a enzima papaína, que auxilia na digestão e na melhora do trânsito intestinal.

Melhor evitar:

Pão industrializado - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images
Alimentos industrializados
Macarrão instantâneo e outros carboidratos industrializados, como bolachas e pães, são pobres em fibras. O problema de não consumir as fibras é que o organismo fica sem material para formar as fezes. Resultado: você evacua menos e elas ficam mais duras. Prefira por versões integrais desses alimentos.

Refrigerante - Getty Images - Getty Images
Imagem: Getty Images
Refrigerantes
Muito ricas em açúcar, essas bebidas tem várias substâncias químicas na composição, que atrapalham o "trabalho" das bactérias boas do intestino e, ainda, facilitam a multiplicação de bactérias prejudiciais à saúde intestinal.

*Colaborou Ana Elisa Faria

O poder dos alimentos