PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Gripe com diarreia e coceira? Sim, doença pode ter esses sintomas

iStock
Imagem: iStock

Thiago Varella

Colaboração para o VivaBem

20/12/2017 04h10

O corpo e a cabeça doem, o nariz escorre, as crises de espirro não param e o termômetro já passou dos 37ºC. Sim, provavelmente, você está gripado. E nos próximos dez dias, os sintomas, em diferentes intensidades, vão fazer parte do seu dia a dia. 

Mas, além disso tudo, você também notou uma alteração quando vai ao banheiro. As fezes estão mais pastosas e as idas ao banheiro para evacuar estão mais frequentes. Sim, é uma leve diarreia que deixa o corpo ainda mais debilitado. Estranho? Pois, esse quadro, apesar de mais raro, também é indicador de gripe

"Excepcionalmente, na gripe, o paciente pode ter um pouco de diarreia. Mas é um ou outro caso", contou o médico otorrinolaringologista Paulo Lazarini. 

O paciente gripado também pode ter a sensação de ouvido tampado. Muito parecido com aquela de quando descemos a serra rumo à praia. Isso ocorre porque a gripe causa a obstrução da tuba auditiva.

Outro sintoma menos comum na gripe é a coceira. Principalmente na região dos olhos e da garganta, causando vermelhidão. Isso acontece porque as vias aéreas superiores estão infeccionadas e podem estimular os receptores e vias neurais responsáveis pela percepção de prurido. 

A coceira também pode confundir o paciente. Isso porque, em alguns casos, junto com os sintomas típicos como espirros, coriza e obstrução nasal, a pessoa pode sentir coceira no corpo e no couro cabeludo. Neste caso, o mais comum é que o quadro seja de alergia, como uma rinite alérgica

"Quando você tem um quadro de alergia respiratória ou cutânea, ocorre a liberação de substâncias proinflamatórias. Principalmente a histamina. Isso acaba causando as coceiras. E o gatilho alérgico, mesmo de uma coceira na cabeça, pode ser nas vias aéreas superiores", explicou a médica Bruna Duque Estrada Pinto, coordenadora do Departamento de Cabelos e Unhas da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD).

E por que ficamos com o nariz escorrendo?

Um sintoma comum tanto na gripe quanto no resfriado é a coriza, que causa a sensação de nariz entupido ou escorrendo e faz o doente carregar um pacote de lenços de papel para todos os lugares. 

A coriza é a secreção produzida em excesso pelo nariz, tanto em quadros alérgicos, como a rinite, quanto infecciosos, como na gripe e no resfriado. Ela pode ser amenizada com uso de medicamentos anti-histamínicos, que bloqueiam a liberação de mediadores inflamatórios, quanto vasoconstritores, que atuam diminuindo o fluxo sanguíneo nasal.

Seja gripe, resfriado ou alergia, um alerta dos médicos é evitar a automedicação e procurar sempre um especialista. 

"O uso indiscriminado de anti-inflamatórios não é adequado e pode causar reações alérgicas e nos rins. A automedicação pode causar danos maiores do que a própria gripe ou resfriado", afirmou o médico Paulo Lazarini.

Saúde