Topo

Alimentação

Ideias e informações para você comer melhor


Alimentação

Sem vontade de fazer sexo? Veja 5 alimentos para aumentar sua libido

Vá ao mercado e traga um pouco de ânimo para a sua vida sexual. - Getty Images
Vá ao mercado e traga um pouco de ânimo para a sua vida sexual. Imagem: Getty Images

Do UOL VivaBem, em São Paulo

11/11/2017 12h55

Quando você vai para a cama ultimamente, anda mais animado em dormir do que transar? A baixa libido pode acontecer em qualquer ponto de nossas vidas por diversas razões, como depressão, estresse, obesidade ou uso de certos medicamentos.

Veja também:

No entanto, antes de sair comprando uma lingerie nova ou planejar uma viagem romântica, ir ao supermercado mais próximo pode ser a solução. Isso porque existem alimentos específicos que podem ajudar a trazer um pouco mais de "calor" para a sua vida sexual. Confira!

Coloque no cardápio

  • iStock

    Abacate

    Fonte de vitamina E, que ajuda a ter pele e unhas saudáveis, a fruta também fornece potássio, vitamina B6 e gorduras monoinsaturadas para um coração e circulação saudáveis, algo importante para uma vida sexual ativa. Estudos mostram que homens com doenças cardíacas são duas vezes mais propensos a ter disfunção erétil, pois ambas as condições são resultados de danos na artéria. Uma sugestão é triturar a fruta na torrada pela manhã ou adicionar fatias no sanduíche ou salada. Leia mais

  • Getty Images

    Chocolate (e cacau em pó)

    Ajuda a melhorar o humor, pois aumenta os níveis de dopamina e serotonina no cérebro, também conhecidos como neurotransmissores da felicidade. Além disso, o chocolate oferece quantidades variáveis de flavanóis, que ajudam a relaxar os vasos sanguíneos e aumentam o fluxo de sangue. Uma vez que a quantidade (e, portanto, os benefícios) dos flavanóis de cacau variam muito, o mais indicado é usar a versão não açucarada ou um pó fortificado. Leia mais

  • Getty Images

    Peixe gordo

    Peixes gordurosos, como atum, sardinha e salmão, não apenas "nadam" em ácidos graxos ômega-3, sendo ótimos para o coração, como também aumentam níveis de dopamina no cérebro, melhorando a circulação e o fluxo sanguíneo. Ainda são ricos em proteínas e uma boa fonte de vitamina B-6, que ajuda na produção saudável de sangue. Uma sugestão rápida é misturar atum em lata a um pote de creme de ricota e comer entre duas fatias de pão integral. Leia mais

  • iStock

    Chá verde

    Poderia uma xícara de chá quente aquecer sua vida sexual? Sim, especialmente se for de chá verde, que é rico em compostos chamados de catequinas, que matam os radicais livres que danificam e inflamam os vasos sanguíneos, aumentando sua capacidade de transportar sangue. Além dessa versão, tente adicioná-lo em sua aveia matinal, misturar um smoothie de chá verde ou adicionar um pouco de chá verde ao seu iogurte. Leia mais

  • iStock

    Ovo de codorna (ou o de galinha mesmo)

    Apesar de não ter uma relação direta com a libido, é fonte de vitaminas do complexo B, ligadas a melhor produção de esperma, além da coenzima Q10, um antioxidante cuja tarefa é nos proteger dos radicais livres e de qualquer agente externo que cause algum tipo de dano oxidativo. Mas não adianta sair comendo uma bandeja por dia. A medida são quatro ovos de codorna para um de galinha, diariamente, caso a pessoa não tenha nenhum tipo de problema com o excesso de colesterol. Leia mais

  • Getty Images

    Pimenta

    Tem capsaicina, que dá o sabor ardido para o tempero e ainda possui um discreto efeito termogênico, aumentando levemente a circulação de sangue. Se a pessoa não tiver contra indicação, como gastrite e refluxo, vale a pena incluir no cotidiano. Leia mais

  • iStock

    Amendoim

    É um alimento rico em energia, fonte de gorduras e tem vitamina E, essencial para a produção de hormônios sexuais. Por isso toda essa mística em cima do amendoim. Outras fontes são a castanhas do pará, de caju, nozes, amêndoas e óleos vegetais, como o do girassol. Vá da versão torrada e sem sal, e coma, no máximo, o que cabe dentro de uma xícara de café. Leia mais

  • iStock

    Sementes de abóbora

    Uma das melhores fontes vegetais de zinco, também possui proteínas, fibras, potássio e ferro. Importante para a função imunológica, cicatrização de feridas e saúde ocular, o zinco ainda desempenha um papel no desejo sexual masculino, pois sua deficiência pode levar à baixa testosterona. Um estudo descobriu que homens que receberam 30 miligramas de zinco por dia mostraram níveis aumentados de testosterona livre em seus corpos. Desfrute de sementes de abóbora em seu lanche, ou adicione-as à sua salada, por exemplo. Leia mais

Maneire na dose

  • iStock

    Bebida alcoólica

    Aqui é uma questão quantitativa. Muitas pessoas ficam mais à vontade, mais desinibidas ou estimuladas com a ajuda de um drinque, psicologicamente falando. Um brinde não seria um grande problema, mas sim o excesso, que aí sim vai atrapalhar o desempenho, pois o álcool tem um efeito depressor do Sistema Nervoso Central. Também causa uma vasoconstrição exacerbada, o que pode não levar sangue para onde deveria, incluindo o corpo cavernoso, atrapalhando a ereção. Leia mais

  • FlyMint Agency/iStock

    Comidas gordurosas

    Gordura em excesso nunca é bom, especialmente antes de uma noite mais quente com o seu parceiro. Isso porque são alimentos de difícil digestão, fazendo grande parte do sangue ir para o estômago, na tentativa de finalizar o "trabalho". E quem vai ter ânimo para fazer sexo depois de comer um pratão de feijoada? Leia mais

Alimentação