PUBLICIDADE

Topo

Victor Machado

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Shots matinais estão em alta, mas será que preciso deles para minha saúde?

iStock
Imagem: iStock
Victor Machado

Victor Machado é nutricionista, pós-Graduado em nutrição esportiva e em nutrição Comportamental. Atua com foco em comportamento alimentar e é o idealizador da marca Nutrição Sincera, que tem como objetivo passar informações sobre saúde, alimentação e bem-estar por meio do humor.

Colunista do UOL

26/04/2021 04h00

Hoje em dia tornou-se bem comum o uso de shots matinais ao acordar como uma estratégia nutricional para melhora do sistema imunológico, emagrecimento, longevidade e até como forma de reduzir inflamações.

Para quem nunca ouviu falar, os shots são sucos concentrados consumidos em pequenas doses, normalmente no início do dia. A medida é baseada em um copo aperitivo de 50 ml, aqueles utilizados para cachaça e licor.

Porém, no caso dos shots são utilizados temperos considerados funcionais, condimentos, especiarias, frutas e às vezes até alguns suplementos nutricionais. Mas será que de fato os shots cumprem com suas promessas e são realmente necessários?

A verdade é que não existe nenhum embasamento cientifico para a utilização de shots no que se refere a melhora da saúde, o termo "shot matinal" também não existe na literatura científica, mas isso não significa que sejam inúteis.

Possivelmente, a ideia de misturar vários ingredientes surgiu porque vários dos compostos utilizados de fato têm comprovação e eficácia, é o caso do gengibre e do açafrão, que podem auxiliar nos processos anti-inflamatórios do organismo.

Sendo assim, tomar o shot em jejum ao acordar vem com a proposta de potencializar os efeitos com melhor absorção pelo intestino. Mas, na verdade, se os mesmos ingredientes fossem consumidos separadamente ao longo do dia junto de outras refeições, os benefícios seriam os mesmos.

Vejamos alguns dos compostos utilizados nos shots:

Própolis verde - O própolis é conhecido como um auxiliar no sistema imunológico. Apesar de até hoje só existirem evidências cientificas em estudos feitos in vitro, ainda assim é recomendada a prescrição do própolis, pois ele apresenta bons resultados na sua capacidade antiviral e antibacteriana.

Ao mesmo tempo existem poucos contraindicativos para o seu uso. Mas como pode ser observado, esse mesmo própolis poderia ser utilizado em conjunto de qualquer outra refeição do seu dia e não necessariamente em um shot matinal.

Açafrão-da-terra e pimenta do reino - Essa dupla de temperos quando combinadas possuem um forte efeito anti-inflamatório do organismo e auxiliam na saúde intestinal, podendo também ser indicado em doenças como artrite. Podem ser utilizados no shot ou simplesmente apimentando e dando mais sabor para uma refeição que for da sua preferência, sendo benéfico para sua saúde da mesma forma.

Gengibre e canela - Assim como o açafrão, possuem propriedades anti-inflamatórias e também podem auxiliar na resistência a insulina. São temperos que combinam muito bem com frutas, iogurtes e sucos. Talvez apresentem um leve efeito termogênico no metabolismo, mas nada significativo para consumir em jejum como uma estratégia para queimar mais gordura.

Vinagre de maçã - Esse tem a fama no controle da glicemia, assim como a canela. Além disso, alguns estudos comprovam que consumi-lo antes das refeições pode ser interessante para aqueles que buscam uma melhora na sensação de saciedade, podendo ser um auxiliar no processo de emagrecimento.

Limão - É uma fruta rica em antioxidantes, com destaque para a vitamina C, que tem influência no sistema imune, mas também na melhora da absorção de ferro pelo organismo. É um auxiliar fundamental para quem não consome alimentos de origem animal, pois dessa forma a vitamina C auxilia para que essas pessoas não tenham anemia devido a pouca presença de ferro nos alimentos de origem vegetal. Portanto, fica claro que o consumo de limão é muito eficaz quando consumido próximo de uma refeição principal.

Glutamina - Suplemento nutricional que ficou conhecido como auxiliar na imunidade e também na prevenção de perda de massa muscular para os praticantes de atividade física. A verdade é que não existem evidências cientificas que a glutamina tenha algum benefício na imunidade e nem como recurso ergogênico no esporte.

O que sabemos é que a glutamina é o principal combustível do intestino e, por isso, a indústria utiliza isso como marketing para dizer que se o intestino for mais saudável, logo o sistema imune também. Porém, quando o organismo está saudável e não apresenta doenças como síndrome do Intestino irritável ou Crohn, o intestino produz glutamina naturalmente e, portanto, a suplementação se torna desnecessária.

Observe que todos os ingredientes podem ser utilizados no dia dia e não existe a necessidade de tomar tudo de uma vez em um shot, salvo os casos em que você faz isso como um ritual para iniciar o dia ou em situações que não consegue consumir os compostos.

Se isso te faz bem, não tem problema consumir o shot matinal, pois os benefícios serão os mesmos de quem consome os ingredientes separadamente.

Quando se fala em emagrecimento, melhora do sistema imune, prevenção de doenças, praticar atividade física regularmente, consumir frutas e vegetais e evitar alimentos ultraprocessados continuam sendo recursos valiosos para a saúde.

Portanto, não se esqueça que gestos simples de autocuidado são mais eficazes do que apostar que um shot matinal vai fazer algum milagre na sua vida.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL