PUBLICIDADE

Topo

Ter histórico de atleta pode proteger alguém dos casos graves de covid-19?

Guilherme Giorelli

Guilherme Giorelli é nutrólogo e médico do esporte e exercício. Fellow do International College for Advancement of Nutrology e com mestrado em vitamina D, ele organiza eventos científicos, além de ministrar aulas e palestras. Atualmente é diretor do SMEERJ (Sociedade de Medicina Esportiva e do Exercicio do Rio de Janeiro). Seu dia a dia, porém, é o atendimento de pacientes em sua clínica, que buscam cuidar da saúde por meio da alimentação e do exercício.

Colunista do UOL

30/05/2020 04h00

Existem poucos trabalhos científicos que ajudem a responder de forma absoluta se fazer exercícios e ter histórico de prática regular de atividade física torna uma pessoa menos propensa a desenvolver a covid-19 em sua forma mais grave. No vídeo de hoje, eu analiso um estudo que investiga se ter uma alta capacidade cardiorrespiratória poderia proteger os pacientes de uma alta inflamação causada pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2). Assista e comente o que achou.