PUBLICIDADE

Topo

Fernando Guerreiro

6 mudanças de atitude que podem ajudá-lo a conquistar metas maiores

iStock
Imagem: iStock
Fernando Guerreiro

Fernando Guerreiro é formado em educação física e especializado em treinamento funcional. Atleta amador, já completou ultramaratonas e triatlos, e é também head coach da We Move Brasil, equipe de treino especializada em desenvolver um estilo de vida saudável e transformador.

Colunista do UOL

30/01/2021 04h00

Nelson Mandela tem uma frase que diz: "Posso responsabilizá-lo por suas atitudes, porém sou o único responsável pelos meus sentimentos". Quando se trata de uma vida abundante, precisamos ter em mente o quanto somos responsáveis pelo que conquistamos e de que forma nosso relacionamento com nós mesmos e com as pessoas ao nosso redor influenciam nos resultados a longo prazo.

Para ajudá-lo a refletir sobre o tema, separei seis atitudes que podem ser revistas. Mudar esses hábitos na sua vida transformará sua visão para novas oportunidades. Você terá a chance de conhecer melhor as pessoas ao seu redor, transformar as circunstâncias negativas em positivas e a seu favor.

Você poderá crescer como pessoa e elevar seus resultados de vida, poderá arriscar mais sem ter medo de errar e conquistar metas maiores. Terá a chance de ver que pessoas nem sempre fazem coisas erradas porque querem, e isso desenvolverá mais compaixão e empatia no seu coração.

1. Pare de criticar as pessoas

O ato de criticar alguém mostra o quanto estamos notando criteriosamente os defeitos do outro. Em vez de criticar, pense em ideias e soluções para estimular a evolução das pessoas.

2. Pare de reclamar das circunstâncias

A única coisa que conquistamos com reclamações é comprovar uma imperfeição ou incapacidade de alguém ou alguma coisa. Quem reclama, na maioria das vezes, coloca-se numa posição de superioridade, mas dificilmente consegue transformação.

Treine seus olhos para identificar oportunidades e comece a enxergar com positividade as circunstâncias, assim terá chances de colher novos frutos.

3. Pare de buscar culpados

Essa é a maneira mais rápida e fácil de tirar a responsabilidade dos nossos ombros. O perigo disso é que, assim, repete-se os mesmos erros a vida toda, afinal quem está errado são os outros.

Em vez de encontrar culpados, comece a buscar soluções, encontre aliados, parceiros de transformação.

4. Pare de se fazer de vítima

Pessoas que criticam ou reclamam de tudo, entrando em posições de inferioridade e sofrimento, têm uma grande chance de apenas querer chamar a atenção. O problema é que toda a atenção conquistada não é sustentável.

Se você deseja chamar atenção de alguém, comece a fazer coisas diferentes, construa algo novo, fale palavras diferentes, use sua capacidade positiva de cativar pessoas.

5. Pare de justificar seus erros

Saiba que errar é uma etapa fundamental no desenvolvimento humano. Sem erros, não há aprendizagem.

Pense que não existem erros, apenas resultados. Dessa maneira você passará a aprender com esses resultados e tomará atitudes diferentes.

6. Pare de julgar as pessoas

Existe uma diferença entre julgar atitudes e pessoas. Nem sempre que alguém tira uma nota baixa é incapaz, ou fez isso de propósito. Esse evento não define a vida de uma pessoa por completo.

Saber que esse evento pode ser mudado ou melhorado por meio do seu incentivo é mais positivo do que a condenação pelo ato.