PUBLICIDADE

Topo

Taise Spolti

Bolonhesa light leva cogumelos ou tofu em vez da carne moída

iStock
Imagem: iStock
Taise Spolti Taise Spolti

Taise Spolti é formada em educação física e, atualmente, estuda nutrição. Já foi fisiculturista profissional e hoje tem interesse em aliar sua rotina alimentar à gastronomia. Costuma dizer que não se satisfaz com pratos pequenos ou sabores comuns. Participou do programa ?Masterchef?, da Band, onde pode mostrar em rede nacional suas receitas.

Taise Spolti

Colunista do UOL

29/11/2020 04h00

Você que já acompanha o blog sabe: meu objetivo é deixar as refeições mais saudáveis, mantendo nossa cultura e o bom sabor do prato que já conhecemos. Como sei que o molho à bolonhesa está na vida de muitas pessoas, nada melhor do que darmos essa opção por aqui.

Minha sugestão é substituir a carne por cogumelos ou até tofu cortado em cubos, assim sua receita será vegetariana ou como opção para uma segunda sem carne.

Ingredientes

  • 1 colher (de sopa) de azeite extravirgem
  • 1/2 cebola branca ou amarela
  • 1/2 cenoura média
  • 1 talo de aipo
  • 500 g de carne moída (para a versão sem carne, use uma bandeja pequena, aproximadamente 200 g, de cogumelos)
  • 1 dente de alho picado
  • 1 colher (de sopa) de vinho branco seco ou de vinagre de maçã
  • 1 lata de tomate pelado
  • 2 copos de água quente
  • 1 folha de louro
  • 1 colher (de chá) de sal
  • Pimenta-do-reino moída na hora a gosto

Modo de preparo

  1. Em uma panela média, coloque o azeite e refogue a cebola, a cenoura e o aipo picados em cubos pequenos. Cozinhe até ficarem macios, cerca de 7 a 10 minutos;
  2. Adicione a carne moída (ou os cogumelos picados grosseiramente) e o alho picado. Cozinhe até que a carne não esteja mais crua e bem soltinha;
  3. Adicione o vinho ou o vinagre de maçã, junte os tomates, a água e a folha de louro. Tempere com sal e pimenta e diminua o fogo. Cozinhe por 30 a 40 minutos até que o molho reduza 1/3 do volume;
  4. Para servir, retire a folha de louro.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL