Reduz pressão arterial, hidrata e emagrece: 5 benefícios do pepino à saúde

Por Samantha Cerquetani

O pepino é bastante popular no picles e em saladas, por ser um alimento refrescante com sabor suave e marcante. Ele se destaca por ter poucas calorias, bastante água e fibras solúveis em sua composição. A seguir, veja 5 benefícios deste fruto!

iStock/VivaBem

Hidratação Corporal: Com cerca de 95% de água em sua composição, o pepino contribui para manter o corpo hidratado, auxiliando na regulação da temperatura e na reposição de nutrientes.

iStock

Aumento da Saciedade: As fibras presentes no pepino retardam o esvaziamento gástrico, proporcionando sensação de saciedade e colaborando indiretamente na perda de peso.

iStock

Saúde Cardiovascular: Rico em potássio (153 mg em 100g), o pepino auxilia na eliminação do excesso de sódio pela urina, contribuindo para a redução da pressão arterial. Antioxidantes combatem inflamações e protegem as células cardíacas.

iStock

Benefícios Ósseos: A presença de vitamina K no pepino é benéfica para a saúde dos ossos, auxiliando na metabolização do cálcio e prevenindo condições como a osteoporose.

iStock

Melhora do Funcionamento Intestinal: Contendo fibras, especialmente a pectina, o pepino favorece o trânsito intestinal, reduzindo a prisão de ventre e promovendo o bom funcionamento do intestino.

iStock

Estudo sobre Redução de Açúcar no Sangue: Pesquisas indicam que a casca do pepino pode reduzir a glicemia, sendo eficaz na prevenção de complicações relacionadas ao diabetes. No entanto, são necessários mais estudos em humanos para comprovar esse benefício.

iStock

Combate ao Estresse Oxidativo: Os antioxidantes presentes no pepino, como flavonoides e taninos, combatem os radicais livres, associados ao estresse oxidativo, que pode contribuir para diversas doenças.

Getty Images/iStockphoto

Uso na Pele e Olheiras: Com água, ácido cafeico e vitamina C, o pepino é conhecido por reduzir inchaço e irritação nos olhos. No entanto, esse efeito é temporário, sendo mais apropriado procurar a orientação de um dermatologista para soluções mais duradouras.

Priscila Barbosa

Considerado seguro para a maioria, o pepino pode ser indigesto para alguns. Pessoas com problemas renais devem moderar o consumo devido ao potássio. Indivíduos com síndrome do intestino irritável podem experimentar desconfortos com grandes quantidades.

iStock

Além de saladas, o pepino pode ser consumido cru, em sucos, vitaminas e picles. Refogado, pode ser incluído em molhos, pastas, sanduíches, macarrão e sopas.

Getty Images

Adicione pepino à água com limão e hortelã para uma bebida refrescante. No suco verde com couve e maçã, oferece uma opção nutritiva.

iStock

Para mais informações, acesse VivaBem.

iStock/VivaBem
Publicado em 05 de dezembro de 2023.