BENEFÍCIOS do QUEIJO para SAÚDE: Tipos diferentes de queijo contam com benefícios diversos

Por Samantha Cerquetani

Queijos variam em nutrientes, e alguns são mais saudáveis, como os brancos, enquanto os amarelos são mais gordurosos. A escolha depende da dieta e moderação.

Getty Images

Todos os queijos possuem minerais e vitaminas essenciais, como cálcio, fósforo, magnésio, vitaminas A e B, além de proteínas importantes para a saúde.

Getty Images/iStockphoto

Considerados alimentos processados, os queijos são recomendados diariamente devido à qualidade e boa digestibilidade das proteínas, como a caseína.

Divulgação/TasteAtlas

O cálcio nos queijos beneficia a saúde óssea, enquanto alguns tipos contêm probióticos, favorecendo o intestino. Uma a duas fatias por dia são suficientes para obter benefícios.

iStock

Queijos saudáveis, ricos em proteínas e com baixas calorias, podem auxiliar na saciedade, contribuindo para a perda de peso quando parte de uma dieta equilibrada.

iStock

O queijo contém lactose, podendo causar intolerância. Pessoas com pressão alta devem moderar o consumo devido ao sódio. Recomenda-se cerca de 30g por dia, combinado com alimentos minimamente processados.

iStock

A seguir, confira 9 tipos de queijos e suas peculiaridades!

Getty Images/iStockphoto

Gorgonzola: Com sabor bastante característico, o queijo gorgonzola é considerado muito gorduroso e com sódio em excesso. Ele é maturado por mofos verdes, o que contribui para o aroma e o gosto mais picante.

Getty Images

Minas frescal: Bastante leve e saboroso, o queijo minas frescal apresenta maior quantidade de umidade e baixo teor de gordura e sódio.

iStock

Muçarela: Presente em diversas receitas como a famosa pizza, o queijo muçarela é de origem italiana e inicialmente era fabricado com leite de búfala. Atualmente, é preparado com leite de vaca. Por isso, apresenta elevada quantidade de proteínas e gorduras

Getty Images/iStockphoto

Muçarela de búfala: A muçarela de búfala é originária da Itália e é rica em gorduras saudáveis, além de ter cálcio e boa quantidade de proteínas. Costuma ser mais branco e mais doce do que os queijos produzidos com leite de vaca.

Reprodução/Think Milk, Taste Europe, Be Smart

Parmesão: O queijo parmesão apresenta grande quantidade de cálcio. Isso ocorre porque ele tem pouca umidade. O seu sabor é bastante salgado por conter sódio em excesso e é feito com leite de vaca não pasteurizado. Possui pouca lactose, o que é benéfico para quem tem intolerância.

Michael Blann/Getty Images

Prato: Bastante popular no Brasil, o queijo prato possui uma textura macia, cor amarelada e sabor suave. Pode ser consumido puro em aperitivos, em recheios de sanduíches e tortas.

Getty Images/iStockphoto

Provolone: O queijo italiano é defumado e possui uma textura firme e sabor que varia de suave a picante. Pode fazer parte de recheios de sanduíches e acompanhar macarrão, além de ser servido à milanesa. Além dos nutrientes comuns a todos os queijos, ele se destaca por ter bastante sódio e gorduras.

iStock

Ricota: Com um sabor bastante neutro e textura cremosa, a ricota é uma opção para quem está em busca de perder peso. Esse tipo de queijo contém poucas calorias, gorduras e sódio. No entanto, possui menos cálcio e proteínas.

iStock

Para saber a tabela nutricional de cada queijo, acesse VivaBem.

Divulgação
Publicado em 16 de novembro de 2023.