Topo

Viagem


Cidade de "Game of Thrones" deve banir novos negócios para diminuir turismo

Vista aérea da fortaleza de São Lourenço, na cidade velha de Dubrovnik - Getty Images
Vista aérea da fortaleza de São Lourenço, na cidade velha de Dubrovnik Imagem: Getty Images

Do UOL

07/11/2019 16h14

Dubrovnik, cidade costeira da Croácia, quebrou seu próprio recorde de turistas em 2018, recebendo 1.271.657 visitantes, um aumento de 7% em relação a 2017, que também foi um ano inusitado, com mais de um milhão de pessoas.

O crescimento exponencial se deve à série "Game of Thrones", que usou o local para representar o continente Westeros, onde se passa a maior parte da história... é lá que está localizada a cidade Porto Real, onde fica o tão desejado trono.

O prefeito e o conselho votarão em dezembro uma proposta que proíbe os proprietários de restaurantes de colocar mesas ou cadeiras nos próximos cinco anos - e isso significa essencialmente que não haverá novos estabelecimentos na cidade durante esse período.

Além disso, se um restaurante fechar, um novo empreendimento não pode ocupar o espaço durante esse tempo.

Há dois anos, Mato Frankovic, prefeito de Dubrovnik, estabeleceu um limite de 4 mil visitantes na Cidade Velha e pediu às operadoras de navios ajuda para controlar chegadas e partidas.

Ele fechou 80% das lojinhas de lembrancinhas da cidade e reduziu em 20% o número de mesas ao ar livre em restaurantes. E no início desta semana, o conselho da cidade votou em reduzir o número de opções de locais abertos em outros 10%.

Dubrovnik está tentando desesperadamente acompanhar o aumento de turistas, especialmente nas ruas já apertadas da Cidade Velha. No verão passado, a própria UNESCO alertou as autoridades que precisavam considerar a "capacidade sustentável de pessoas".

Viagem