PUBLICIDADE
Topo

Cultura e lazer

Viva a cidade. Saboreie experiências.


Cultura e lazer

Bares no Rio de Janeiro e São Paulo para aproveitar o Dia Mundial do Gin

Mariana Toledo

Colaboração para o Urban Taste, em São Paulo

07/06/2019 19h00

Quem tem o costume de sair para beber com certeza já percebeu que, nos últimos anos, os drinques que levam gin no preparo vem ganhado cada vez mais espaço nas cartas de bares e restaurantes. Neste final de semana, os apreciadores da bebida têm mais um incentivo extra para consumir o destilado: no sábado, 8 de junho, é comemorado o Dia Mundial do Gin.

Veja também:

Esses cursos em SP vão te ajudar a preparar seu café da manhã orgânico
Santa Maria, a releitura do drinque Bloody Mary
Cepa recria Porto Tônica com limão cravo e tomilho, veja como fazer

Muito consumido no país nos anos 80, a bebida se popularizou novamente por aqui entre os anos de 2016 e 2017 - especialmente na versão combinada com tônica e gelo. "O gin tônica é um drinque refrescante, nem doce, nem amargo: é um meio-termo, e por isso agrada diversos paladares. E é democrático. Com os complementos, como frutas, botânicos, chás, é possível personalizar a bebida de uma maneira fácil e mudar totalmente seu sabor. A partir dessa base simples, de gin e tônica, o leque de possibilidades é enorme. Todo mundo gosta de personalização e a ideia de deixar um drinque com a sua cara é muito atraente", explica Marina Moreira, embaixadora da marca Beefeater no Brasil.

Mas o gin é versátil e seu consumo vai muito além do básico, com a tônica. A embaixadora conta que, com o boom da bebida, as pessoas ficaram curiosas para saber o que mais ela poderia entregar. Foi aí que drinques como o Negroni, que combina vermute, Campari, gin e laranja, também surfaram a boa onda. Para quem já é fã da bebida - ou ficou curioso para entender seu sucesso - há inúmeras combinações sendo preparadas por aí.

Confira abaixo uma lista de bares que apostam em receitas inusitadas e escolha onde celebrar o Dia Mundial do Gin.

- São Paulo:

Lupe Bar y Taqueria

Recém-inaugurado, o Lupe é um bar mexicano que apresenta aos clientes uma carta de drinques assinada pelo bartender e consultor Fábio La Pietra. Para além das opções latinas, como a clássica margarita, há coquetéis autorais com toques típicos - entre as sugestões com gin, o Samurai Chilango (R$23) combina o destilado com licor de yuzu, abacaxi, limão, matcha, broto de coentro e tônica.

Vai lá:
Rua Cunha Gago, 625 - Pinheiros
Terça à sexta, das 19h às 2h
Sábado e Domingo, das 12h às 17h
Mais informações no Instagram.


MICA

Dos mesmos donos do Pitico, badalado bar na região de Pinheiros, o Mica abriu as portas na mesma Rua Guaicuí e recentemente passou por uma reforma - agora, o espaço dobrou de tamanho e ganhou um novo bar, logo na entrada. Dali, saem sugestões autorais, assinadas pela bartender do grupo, Beatriz Coutinho, para harmonizar com os preparos asiáticos da cozinha. Para os fãs de gin, as dicas são o Kinpará (R$33), feito com vinho coreano de arroz moti, gin e óleo de gergelim acompanhado de raiz de bardana, e o Âmbar (R$33), com gin, vermute tinto e licor - umê ou ginseng.

Vai lá:
Rua Guaicuí, 33 - Pinheiros
Segunda, das 19 às 23h
Terça a sexta, das 19h à 0h
Sábado, das 12h à 0h
Domingo, das 13h às 22h
Mais informações no Instagram.


Benzina Bar

O Benzina, bar criado pela mesma equipe da hamburgueria Bullguer, é focado no público que gosta de drinques diferentes e quer conhecer mais sobre coquetelaria. Desenvolvido pelo barman Gustavo Ribeiro - vencedor da Monin Cup 2018 - o Nativo (R$33) acaba de entrar para a nova carta da casa e promete fazer bonito com os apreciadores de gin. O drinque faz parte da sessão Premium do menu e é feito com gin, limão cravo, cumaru e Brasilberg. Mas as opções criativas são várias: o Luccita Fizz (R$27) leva gin, tequila, Aperol, lichia e maçã e é gaseificado na própria casa, enquanto o Peperista (R$22) combina gin, pêssego, baunilha, limão siciliano e pimentão vermelho.

Vai lá:
Rua Girassol, 396 - Vila Madalena
Terça à quinta, das 18h à 0h
Sexta e sábado, das 18h às 03h
Mais informações no Instagram.


World Gin Day na Casa Bossa
Por conta do Dia Mundial do Gin, a cidade recebe ainda o World Gin Day 2019, festival que reúne workshops exclusivos e música ao vivo com as principais marcas de gin do mundo, que estarão representadas por bartenders consagrados preparando gin tônicas, dry martinis, negronis e demais drinques com o destilado. Os ingressos são comprados pela internet, por meio da plataforma EvenBrite, e custam de R$15 a R$60.

Vai lá:
Rua Magalhães de Castro, 12000 - Cidade Jardim
Sábado, das 16 à 0h
Mais informações no site.


- Rio de Janeiro:

Teto Solar

O Teto Solar surgiu como um anexo do teatro Solar de Botafogo, mas cresceu e hoje tem uma clientela própria, que vai até o destino atrás de chope artesanal e drinques autorais. Com uma carta exclusiva dedicada aos preparos com gin elaborada pela mixologista Sandra Mendes, o bar oferece sugestões como o Jargim Botônica, com gin, xarope de cardamomo com tamarindo, semente de coentro, maçã verde, capim limão e tônica, ou o Purple Rain, que leva gin infusionado com lavanda, geleia artesanal de uva, suco de limão siciliano, céme de violette e Citrus - as duas saem por R$32,90.

Vai lá:
Rua Paulo Barreto, 110A - Botafogo
Terça à quinta, das 18h à 1h
Sexta, das 18h às 03h
Sábado, dás 20 às 03h
Mais informações no Instagram.

Garoa Bar Lounge

O Garoa Bar Lounge é um dos points da zona sul do Rio de Janeiro. Com o balcão comandado pelo mixologista Igor Renovato, que montou sua própria equipe de bartenders, o bar é a primeira filial do endereço homônimo da cidade espanhola Santiago de Compostela. As sugestões autorais são inúmeras, mas entre elas destacam-se pedidas curiosas: o Campo de Estrelas combina o gin com cachaça ouro, kombucha de hibisco, gengibre e frutas vermelhas e ainda vem coberto com um papel de arroz com ilustrações impressas em tinta comestível. Para quem curte ousar (ainda mais), outra dica é o De Compostela, que leva gin com infusão de queijo, brandy de Jerez, xarope de pão, molho de maracujá e mexilhão em conserva. Ambas as sugestões custam R$32.

Vai lá:
Rua Dias Ferreira, 50 - Leblon
Terça e quarta, das 19h à 1h
Quinta, das 19h às 2h
Sexta e sábado, das 19h às 2h30.
Mais informações no Instagram.

Beef Bar Escondido CA

O local que abrigava o clássico Pub Escondido virou o Beef Bar Escondido CA. Comandado pelos mesmos donos, o bar mudou um pouco o ambiente e apresentou, como destaque, torneiras de chope, hambúrgueres artesanais e, claro, drinques especiais. A carta de sugestões autorais conta com 11 opções - entre elas, chama a atenção o Elf Blood Spritz (R$25), feito com gin, vermouth dry, soda de limão e espumante floral. Se a descrição te pareceu simples, vale ressaltar: o drinque é rosa-pink. Ou seja, além de saboroso, ele rende ótimos registros para as redes sociais.

Vai lá:
Rua Aires de Saldanha, 98 - Copacabana
Terça a Domingo, das 18h às 1h30
Mais informações no Instagram.

Cultura e lazer