A nossa Kardashian

Com 1,7 mi de seguidores, personagem de Paolla dita moda, valoriza curvas e vai mexer com seu guarda-roupa

Natália Eiras De Universa, em São Paulo
Divulgação/TV Globo

Vivi Guedes é uma sensação desde que abriu a sua conta no Instagram. A personagem da novela "A Dona do Pedaço" vivida por Paolla Oliveira, 37, mal havia aparecido na novela, em maio deste ano, e, em 24 horas, ganhou 185 mil seguidores no Instagram. Hoje, mais de 1,7 milhão de pessoas acompanham a personagem da ficção na rede social --número é expressivo e superior ao volume de seguidores de muitas criadoras de conteúdo. O motivo de tanto frisson? A união entre o carisma de Paolla, com 20 milhões de seguidores, e o guarda-roupa de Vivi.

Quem recebeu a missão de criar a it-girl foi a figurinista Sabrina Moreira que, com Claudia Kopke, desenvolveu o closet da influenciadora. Foram três meses criando o conceito do que Vivi vestiria, suas cores prediletas e os materiais de seus looks. Tudo com muita informação de moda, dialogando com o texto escrito por Walcyr Carrasco. "O que Vivi passa com suas roupas é de que ela pode vestir o que ela quiser. O que for legal, ela usa. Tem a liberdade total de ousar", afirma Sabrina. O que não vale, segundo a figurinista, é a 'caretice'. "Ela não é clássica, não vai usar o que todo mundo usa. Ela é Vivi Guedes", diz Sabrina para Universa.

Para manter o guarda-roupa atualizado, Paolla Oliveira precisa, semanalmente, fazer provas de roupas de marcas locais garimpadas pela equipe de arte, peças de látex e vinil importadas da Inglaterra e leggings feitas pelas costureiras do Projac. "Como a novela é uma obra aberta, precisamos fazer a manutenção do figurino toda semana", conta a figurinista. Inspirada nas Kardashians, que valorizam as curvas femininas, Vivi vira influência e não para de lançar tendências.

Divulgação/TV Globo Divulgação/TV Globo

Kim Kardashian à brasileira

"O primeiro passo foi conversar com a Amora Mautner, diretora artística da novela. Ela já tinha muita coisa idealizada sobre o que seria a Vivi. Ela deu a diretriz de usar o biotipo do corpo da Paolla e se inspirar nas Kardashians, que têm curvas e que colocou o corpo feminino na moda novamente. Então a Vivi está sempre de salto alto, usa muita legging, roupas sensuais, que exaltem a forma física dela. Ela gosta tanto de roupas de marcas como a acessível Skazi, de Belo Horizonte (MG), e Animale, como de vestidos de látex do estilista Atsuko Kudo [que assina roupas de famosas como Lady Gaga, Madonna e Kardashians]. Você não vai vê-la com uma camisa branca simples, em um look mais clássico."

Looks marcantes

Divulgação/TV Globo Divulgação/TV Globo

Total Look

"Ela gosta de usar um visual completo de uma mesma estampa ou de uma mesma cor. É chamativo, mas cheio de informação de moda."

Divulgação/TV Globo Divulgação/TV Globo

Legging e casaco

"Essa legging encorpada foi feita pela nossa equipe de costureiras. A combinação com a jaqueta de poliamida deu o que falar."

Divulgação/TV Globo Divulgação/TV Globo

Vestido de noiva preto

"Walcyr Carrasco escreveu que ela se casava usando preto e fizemos esse vestido para ela. Foi uma forma de protesto, porque ela não queria estar ali. Dramático."

Divulgação/TV Globo Divulgação/TV Globo

Figurino orgânico

"No início, ficamos muito presos na sensualidade, a gente quase não inseria jeans no dia a dia dela. Mas depois fomos colocando aos poucos. Vivi não teve nenhuma grande reviravolta financeira. Não ficou pobre ou enriqueceu demais. Mas a gente vai combinando as roupas dela com o momento da novela. Por exemplo, Vivi costumava usar muitas cores vibrantes, mas reduzimos porque ela está neste casamento infeliz. Ela tem usado muito preto e branco, está sempre de camisola. As cores, o shape, é uma camisola mais ou menos sexy. É uma mulher que está ali mais ou menos feliz. Uma roupa chiquérrima, mas que passa esse momento difícil que ela está passando. Figurino é uma coisa muito orgânica, ele vai mudando de acordo com o texto, mesmo que seja muito discretamente."

O gostoso do figurino é que nada é gratuito. O que Vivi passa com suas roupas é de que ela pode vestir o que ela quiser. O que for legal, ela usa

Sabrina Moreira

Essenciais da influenciadora

Divulgação/TV Globo Divulgação/TV Globo

Top

"Ela tem vários tipos, em vários formatos. São esportivos, sociais ou estruturados. Ela combina muito os croppeds com leggings e outras peças."

Divulgação/TV Globo Divulgação/TV Globo

Sandália de plástico

"Vivi está sempre de salto alto. Inspirada nas Kardashians, ela usa muito um modelo de plástico, porque, como a personagem veste muita legging, a sandália ajuda a alongar a silhueta de Paolla."

Divulgação/TV Globo Divulgação/TV Globo

Botas

"Nessa fase atual (pós-casamento), ela não está usando tanto o acessório, mas botas também já tiveram muito espaço no closet de Vivi. Faz parte da essência da personagem."

Divulgação/TV Globo Divulgação/TV Globo

O que o closet de Vivi fala?

A mensagem de Vivi é clara: se é legal, ela está usando. "Ela é ligada na moda e isso abre um mundo de possibilidades para o figurino. São roupas animadas, em cores vibrantes e com informações distintas. São estampas de animais, metalizados, tons neon. Não tem espaço para looks mais clássicos e, mesmo que ela use uma camisa, arranja um jeito de inseri-la com alguma animação", conta a figurinista.

O legal da personagem é não ter medo de usar tudo que pode estar ligado à trajetória dela. A fama é também reflexo do perfil libertador de Vivi, que se permite usar e ousar. "Isso reflete o momento em que estamos vivendo. Estamos vendo uma libertação geral, em que todo mundo se sente à vontade para usar o que quiser."

Roupa não tem mais idade, não tem mais forma. Estamos livre para usarmos o que quisermos e Vivi reflete isso.

Sabrina Moreira

Divulgação/TV Globo Divulgação/TV Globo

Curtiu? Compartilhe.

Topo