PUBLICIDADE

Topo

Cinnara Leal: '1º orgasmo foi com uma mulher, mas segui atraída por homens'

De Universa

11/03/2022 04h00

Para a atriz Cinnara Leal, a descoberta do próprio prazer veio com a maturidade. Segundo ela, a repressão e a correria do dia a dia, comum a muitas mulheres, nunca deram espaço para autoconhecimento e experimentações. Foi em outro momento da vida, solteira e na faculdade de teatro que teve seu primeiro orgasmo.

"Essa curiosidade da gente se tocar, não tinha muito. Comecei a trabalhar cedo, desde os 13 para 14 anos, então só fui fazer isso na fase adulta. E eu só fui ter orgasmo mesmo com uma mulher" a partir daí que passou a ter mais curiosidade em se masturbar e investir no próprio prazer. ( no vídeo acima a partir de 21:17)

A atriz conversou sobre sexualidade livre e prazer sem rótulos no podcast Sexoterapia, que foi ao ar nesta quarta-feira (9), com a jornalista e editora Bárbara dos Anjos Lima e a psicóloga clínica, terapeuta e educadora sexual Ana Canosa. Cinnara contou que a relação prazerosa com outra mulher trouxe uma nova perspectiva sobre os próprios desejos e afetos. "Daí que me despertou para eu começar a me masturbar. Porque eu achei que eu só ia conseguir gozar se alguém me chupasse, se algum homem, até então, me causasse prazer. Porque era aquele tabu. Eu nunca tinha conversado isso em casa, não tinha isso", disse. (a partir de 20:55)

Num primeiro momento, segundo ela, a nova experiência com alguém do mesmo sexo trouxe confusão, mas aos poucos entendeu que o próprio desejo ia além de rótulos ou orientações sexuais. "A primeira vez que eu gozei foi com mulher, e eu nunca deixei de ter desejo por homem, e continuo desejando", disse ( a partir de 20:36 no vídeo acima).

"Me sinto nesse lugar: de dar vazão aos meus desejos e afetos", disse. (em 7:27 no vídeo acima)

O Sexoterapia pode ser acompanhado ao vivo, todas as quartas-feiras, às 19h30, na página principal do UOL, no Youtube de Universa e no Tik Tok de Universa —na sequência, a versão em áudio estará disponível também nas plataformas de podcast. Nesta 9ª temporada, o foco está nas convidadas: a cada programa receberemos uma nova famosa para uma conversa sobre sexualidade e relacionamentos.

Os podcasts de UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts e em todas as plataformas de distribuição de áudio. Você pode ouvir Sexoterapia em plataformas como Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music, Youtube e TikTok —nestes dois últimos, também em vídeo.