Topo

TikToker expõe 'regras' exigidas por ex abusivo e faz alerta: 'Peça ajuda'

Carolyn relatou relacionamento abusivo no TikTok Imagem: Reprodução/TikTok

Colaboração para Universa

16/09/2021 13h25Atualizada em 20/09/2021 09h07

Uma usuária do TikTok chamada Carolyn publicou um vídeo expondo "regras" que seu ex-namorado lhe enviou antes dela entrar para a faculdade. As orientações como "aprove todas as suas roupas comigo e com sua mãe", "nunca tire o anel que te dei" e "não compare o tamanho de suas mãos com as dos garotos" estavam listadas na mensagem e serviram para ela fazer um alerta para outras mulheres que se deparam com situações de constrangimento semelhantes.

Ela contou que o objetivo de postar o vídeo originalmente era tirar sarro da situação, mas que decidiu apagar o vídeo ao observar nos comentários que diversas outras mulheres estavam passando por abusos semelhantes. Para elas, a garota pediu em uma publicação mais recente: "busquem ajuda".

De acordo com o Daily Dot, o vídeo original acumulou mais de 2,9 milhões de visualizações e 631 mil curtidas. No mesmo dia da publicação, alguns usuários passaram a criticar uma possível romantização do relacionamento abusivo. "Só foi engraçado que ele achava que tinha esse controle", ela justificou inicialmente. "Gostaria que fosse só uma brincadeira".

"Isso me lembra do meu ex. Que bom que você caiu fora", escreveu uma internauta. "Toda vez que penso que isso é hilário, percebo que realmente existem meninos assim", disse outra.

No segundo vídeo, Carolyn explica que as regras foram um ponto de ruptura para o relacionamento. Os vídeos seguintes foram dedicados a aumentar a conscientização sobre violência e abuso domésticos, bem como compartilhar recursos para que as vítimas não se calem.

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

TikToker expõe 'regras' exigidas por ex abusivo e faz alerta: 'Peça ajuda' - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL


Violência contra a mulher