PUBLICIDADE

Topo

Sexo

Crise no relacionamento: como saber se é hora de terminar?

Em relacionamentos saudáveis, nem sempre é claro se está na hora de terminar - PeopleImages/Getty Images
Em relacionamentos saudáveis, nem sempre é claro se está na hora de terminar Imagem: PeopleImages/Getty Images

de Universa

14/05/2021 04h00

"Antes da pandemia, minha relação com o meu companheiro já não era das melhores, mas estava bem. O isolamento social, no entanto, colocou uma pá de cal no que ainda me mantinha junto a ele. Há pelo menos seis meses tenho ensaiado sair de casa, mas não consigo. Tenho medo de enfrentar a pandemia sozinha. Diante da perspectiva de não poder ter uma vida sexual ativa, acabo me mantendo 'conformada' em estar em um relacionamento que não quero mais. Ele, pelo menos, me faz companhia, atende minhas carências. Sei que é injusto o que estou fazendo, mas não consigo sair desse lugar de conforto."

A história Roberta*, de 36 anos, foi dividida com os ouvintes do podcast Sexoterapia. Segundo Ana Canosa, sexóloga e apresentadora do programa, essa é uma situação muito comum: quando se percebe que o relacionamento já não é uma grande emoção, já não há mais tesão, mas se permanece ali por algum tipo de conveniência. Ouça mais no vídeo abaixo, a partir do minuto 16:00.

"A conveniência não é necessariamente uma coisa ruim. Todos os relacionamentos possuem uma boa dose de conveniência — e é muito bom que seja assim", explica Ana. "Mas é importante perceber a sua fase de vida e entender que pilar de um relacionamento você mais privilegia. Se você é louca por sexo e já não há mais tesão, se manter em um relacionamento por conveniência pode te fazer infeliz", diz.

Em relacionamentos relativamente bons, pode ser difícil ter a certeza de que é hora de terminar. Ana acredita que, no fundo, a gente sabe que não está bom. "Há um momento em que o corpo sente, a vida perde a motivação diante daquela parceria, ou nos pegamos fazendo um grande esforço para estar bem naquele relacionamento", diz. Outro sinal de que o relacionamento não está bem é quando se olha para a parceria e não se sente mais nenhuma emoção, ou apenas uma emoção fraterna. "Mais do que entender se você ama ou não sua parceria, é preciso entender o que você precisa para ser feliz daquele momento em diante", diz Ana. "Só o amor não basta, porque às vezes é um amor fraternal, que pode não estar te fazendo feliz."

*Nome trocado para preservar a identidade da personagem.

Para saber mais:

  • Fimes: Como superar um fora (Netflix); O casamento do meu melhor amigo; Professor Polvo (Netflix); Brilho eterno de uma mente sem lembranças
  • Séries: After Life (Netflix)

Acompanhe o Sexoterapia

Despedidas é o tema do episódio 50 do podcast Sexoterapia, que fala de sexo e relacionamento.

Nesse episódio, as apresentadoras Marina Bessa, jornalista, e Ana Canosa, sexóloga, recebem a editora de Universa Bárbara dos Anjos Lima.

Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts e em todas as plataformas de distribuição de áudio. Você pode ouvir Sexoterapia, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube —neste último, também em vídeo.

Sexo