PUBLICIDADE

Topo

Universa

"Minha filha adolescente quer dormir em casa com o namorado. O que fazer?"

A sua filha já transa, mas não necessariamente precisa transar na sua casa - iStock
A sua filha já transa, mas não necessariamente precisa transar na sua casa Imagem: iStock

de Universa

15/02/2021 04h00Atualizada em 19/02/2021 11h50

"Minha filha está namorando um menino de outra cidade. E esse é o argumento que ela usa para tentar nos convencer a deixá-lo dormir em casa. Eu sei que eles já estão transando, a gente tem um diálogo muito aberto, mas com o meu marido é bem diferente. Ela não consegue entender qual o problema de transar com o namorado em casa. Eu realmente gostaria de uma luz sobre o que fazer."

O drama da Maria, 50, mãe de uma adolescente de 16 anos é comum entre pais e mães. Ao mesmo tempo em que querem ser legais e não sabotar a sexualidade dos filhos, eles não se sentem à vontade de ter os filhos dormindo com os parceiros em casa. Confira o caso completo no vídeo abaixo, a partir do minuto 22:23.

Para esses diálogos envolvendo assuntos mais difíceis, Ana indica aos pais o que chama de "conversa de lado". "Falar olhando no olho inibe mais, pode ser mais invasivo para quem não está confortável com aquele assunto", aconselha. Evite criar um momento "senta aqui, vamos conversar". Em vez disso, aproveite ocasiões mais informais, como quando estiverem fazendo uma caminhada juntos, limpando a casa, passeando com o cachorro. Isso tira o peso, a seriedade do momento, e deixa a conversa leve e natural. "É necessário que as famílias tomem para si a responsabilidade da educação sexual dos filhos adolescentes. Se aproximar e ter conversas abertas não significa deixar tudo", finaliza.

Para saber mais

Filmes: "Me chame pelo seu nome" (Netflix); "Hoje eu quero voltar sozinho" (Netflix); "As melhores coisas do mundo", Lais Bodansk; "As vantagens de ser invisível" (Netflix)

Séries: "Sabrina" (Netlix), Sex Education (Netflix)

Acompanhe o Sexoterapia

Adolescência é o tema do primeiro episódio da sexta temporada do podcast Sexoterapia, que vai falar sobre a sexualidade nas diferentes fases da vida.

Nesse episódio, as apresentadoras Marina Bessa, jornalista, e Ana Canosa, sexóloga, recebem a jornalista Cris Guterres.

Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts e em todas as plataformas de distribuição de áudio. Você pode ouvir Sexoterapia, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube —neste último, também em vídeo.

Universa