PUBLICIDADE

Topo

Moda

Sobrinha de Kamala Harris é CEO de marca de roupas feministas; conheça

Meena Harrys decidiu empreender quando viu o crescimento das vendas das peças que produzia - Reprodução / Instagram
Meena Harrys decidiu empreender quando viu o crescimento das vendas das peças que produzia Imagem: Reprodução / Instagram

De Universa

20/01/2021 12h17

As t-shirts feministas de Meena Haris, de 36 anos, sobrinha da vice-presidente dos Estados Unidos, Kamala Harris, fazem sucesso entre ativistas e famosas. Serena Williams, Lizzo e Viola Davis são alguns dos nomes que a sua marca, "Phenomenal", já vestiram.

Tudo começou como um hobby: Meena era diretora de estratégia e liderança da Uber e lançou algumas camisetas com dizeres feministas para reverter a renda para instituições de caridade. As vendas, no entanto, tomaram outras proporções quando o movimento Black Lives Matter ganhou força nos Estados Unidos, em 2020.

Em julho, Naomi Campbell vestiu uma camiseta com os dizeres "Phenomenally black" (que pode ser trazido como "fenomenalmente negra") em um evento de moda. Já em setembro, Regina King recebeu o Emmy de melhor atriz com uma t-shirt com a imagem de Breonna Taylor, mulher negra assassinada pela polícia americana, com a frase "Say her name" ("Digam o nome dela").

Com tamanha repercussão, Meena deixou o posto de executiva da Uber para se tornar CEO da sua própria marca — e, embora tenha estabelecido alguns limites para o envolvimento da "Phenomenal" na campanha da tia, Kamala Harris, e de Joe Biden para as eleições à presidência, também produziu algumas peças em apoio aos candidatos.

Entre as produções, estavam moletons com as iniciais "MVP", que significam "Mrs Vice President" ("Senhora vice-residente") e "I'm speaking" ("Eu estou falando"), em referência ao momento em que Kamala repreendeu o concorrente Mike Pence por interrompê-la durante um debate.

Em entrevista ao The New York Times, Meena explicou que sua marca de roupas e acessórios não tinha o intuito de promover a candidatura de uma integrante da família, porém, ressaltou que a sua relação com a vice-presidente eleita é um fato que não pode ser separado de sua história e, consequentemente, de seu negócio.

Moda