PUBLICIDADE

Topo

Alto Astral

Amarelo e cinza: como tirar proveito das cores do ano no dia a dia

Cores 2021 pantone - Reprodução/Pantone
Cores 2021 pantone Imagem: Reprodução/Pantone

Claudia Dias

Colaboração para Universa

20/12/2020 04h00

O 2021 será representado pelo amarelo e o cinza, eleitos como cores do ano pela Pantone - a principal empresa de cores do mundo, detentora do sistema que padroniza a indústria têxtil e gráfica. Apesar de bem diferentes, as tonalidades se complementam. Mais que isso, podem refletir positiva ou negativamente no dia a dia, dependendo da aplicação.

Para sermos mais exatos, os tons escolhidos são: cinza PANTONE 17-5104 Ultimate Gray e o amarelo PANTONE 13-0647 Illuminating, definidos pela empresa como: "um amarelo brilhante e alegre cintilando com vivacidade, um tom amarelo caloroso imbuído de energia solar, e um cinza emblemático de elementos sólidos e confiáveis, que são eternos e oferecem uma base firme".

Juntas, as cores eleitas apontam para a necessidade inata de querer ser visto e reconhecido e ter as vozes ouvidas, numa "composição de cores cujos laços entre o insight, inovação e intuição, com respeito pela sabedoria, experiência e inteligência, inspiram a regeneração, nos forçando na direção de novas formas de pensar e novos conceitos", conforme prega a Pantone. Mas não é só isso.

"As cores despertam sensações e atuam no nosso físico, emocional e no subconsciente. Por isso, podem ser nossas grandes aliadas no dia a dia", afirma a terapeuta holística Tecah Titton. O segredo é saber usá-las adequadamente.

A vivacidade do amarelo

Como lembra Malu Cantadori, terapeuta holística especialista em cromoterapia, o amarelo, em sua forma positiva, remete à alegria de uma maneira leve. "A cor está relacionada ao dinheiro e ao brilho do sol, o que estimula nosso intelecto, a energia construtiva", pontua.

Por isso, é um tom bastante indicado para momentos importantes, como a assinatura de um contrato, uma festa especial ou entrevista de emprego. "Nessas horas, abuse do amarelo nas peças de roupa, pois ele representa a intensidade, a expansão, a rapidez e a inteligência", sugere Malu.

Tecah Titton, por sua vez, lembra que, pela numerologia cabalística, 2021 é classificado com um ano universal cinco, trazendo a vibração de muito movimento, o que tem a ver com a cor de mais vivacidade "Recomendo apostar no amarelo, já que a cor estimula nossa criatividade e possibilita um raciocínio rápido. Aconselho usá-lo em ambientes em que é preciso ser produtivo", ensina.

Como a tonalidade tem o poder de despertar sensações de alegria, otimismo e descontração e, ainda, atrair a prosperidade, Tecah aconselha pintar a porta da entrada da casa de amarelo, o que ajuda a nunca faltar dinheiro ali.

A aplicação do amarelo, entretanto, deve ser moderada. É que, quando usada em excesso, pode agir negativamente, provocando nervosismo, incertezas e descontroles.

"Por isso, recomendo que não seja usado como cor predominante em quartos, escritórios ou qualquer outro local para trabalho. Opte por adotar o amarelo predominantemente em ambientes em que não vá passar longos períodos do dia, como antessalas. Assim, a cor atuará de forma positiva", defende Malu Cantadori.

A neutralidade do cinza

O cinza, segunda cor eleita pela Pantone para 2021, traz as propriedades do preto e do branco, porque não é uma cor pura, como explica Tecah Titton. "Dependendo da tonalidade, pode assumir as características trazidas pelo branco ou pelo preto", pontua.

Por exemplo, quando seu tom aumenta e fica próximo do preto, a sensação será da morte, do medo e da solidão. Se o tom diminuir, ficando mais pareado com o branco, desperta a sensação de paz e limpeza. Apesar disso, como regra geral, o cinza costuma despertar sensações de estabilidade, solidez e racionalidade e estimular ação, respeito e tranquilidade, diminuindo a ansiedade.

A terapeuta Malu lembra que o cinza pode, ainda, remeter à falta de emoção, apatia e neutralidade. "Mas como não existem cores ruins para a cromoterapia, podemos ver o cinza como uma cor sóbria, sólida", afirma.

Para não errar, é importante que ele seja usado de forma combinada e como apoio para outros tons, sem uma presença exagerada, a fim de gerar o equilíbrio com cores que neutralizem essa apatia que o tom remete.

Caso queira pintar uma parede cinza na sala, vale usar outras cores vibrantes na composição, como o amarelo, que está vinculado à energia para equilibrar essa sobriedade. "E se for a um encontro e quiser um look cinza, adote um acessório de cor vibrante para que o encontro não seja enfadonho", finaliza Malu.

Alto Astral