PUBLICIDADE

Topo

Mães e filhos

Três irmãs fazem ensaio no ES para comemorar gestações simultâneas

Helida, Louise e Rayane moram em cidades diferentes e ficaram grávidas durante a pandemia - Marcela Sampaio/Divulgação
Helida, Louise e Rayane moram em cidades diferentes e ficaram grávidas durante a pandemia Imagem: Marcela Sampaio/Divulgação

Vinícius Rangel

Colaboração para o UOL, em Vitória (ES)

10/12/2020 21h25

Três irmãs capixabas ficaram grávidas durante a pandemia do novo coronavírus e resolveram, juntas, fazer um ensaio fotográfico para celebrar esse momento histórico na família. Uma mora em São Paulo, a outra na Alemanha e a terceira em Guarapari (ES). O ensaio foi feito no Sul do Espírito Santo, em uma região de ruínas de pedras.

A primeira a revelar a gravidez foi a Helida Caetano, 29 anos. Ela é a irmã do meio e já está casada há dez anos. No início de fevereiro, ela engravidou, mas logo perdeu o bebê. Após o momento tão difícil, em junho ela recebeu a notícia de que estava grávida novamente.

"Foi um momento muito difícil na minha vida. Achei que não ia ter coragem de engravidar de novo. Passou dois meses, eu resolvi tentar e logo de primeira conseguimos. Nos juntamos por videochamada e contei para as minhas irmãs. É muito maravilhoso", contou Helida.

A irmã mais nova, Louise Caetano, 27, foi a segunda a contar sobre a gravidez. Ela, que já tem uma menina de dois anos, deu uma pausa nos preparativos do casamento para apostar a maternidade. Em outubro, a notícia veio e trouxe mais alegria para a família.

"Eu não estava planejando nada, porque o meu casamento seria em agosto desse ano, se não fosse a pandemia. Chegou em março, nós vimos que nada ia funcionar e decidimos tentar um segundo filho. Tentamos de março até agosto, para encaixar com o casamento no ano que vem, mas não rolou. Em outubro veio a surpresa", explicou Louise.

Surpresa que deixou ainda mais a família unida e animada com a chegada de mais dois integrantes. Porém, a turma ainda não estava completa. Rayane Caetano, mãe de duas crianças e irmã mais velha, anunciou a gravidez, também depois de ter tido um abordo espontâneo.

Irmãs grávidas - Marcela Sampaio/Divulgação - Marcela Sampaio/Divulgação
Ensaio foi realizado nas Ruínas do Rio Salinas, em Anchieta (ES)
Imagem: Marcela Sampaio/Divulgação

"Eu não estava esperando. Parei de tomar anticoncepcional porque me fazia mal. Depois do anúncio das duas, fiz uma vídeochamada com elas. Na hora, a Louise disse: 'Quando faz chamada com nós duas é para anunciar gravidez'. Eu só virei a câmera para o exame e rimos de felicidade", disse Rayane.

Os nomes dos bebês ainda não foram decididos por duas mamães. Olívia é a pequena da Helida, que nascerá em março. Já Rayane tem como opções Maria Helena ou Maria Cecília — se for menino, José Antonio. Louise ainda não opinou.

A certeza que todas as irmãs têm, é de que haverá muito amor e cuidado entre elas, principalmente em virtude dessa pandemia.

Ruínas do Rio Salinas foi o cenário das fotos

A felicidade das três tinha que ser registrada em imagens. Juntas, elas decidiram se encontrar para fazer um ensaio fotográfico no início da gestação. Louise (que mora na Alemanha), Helida (que vive em São Paulo) e Rayane usaram as Ruínas do Rio Salinas, em Anchieta (ES), para ser palco de uma das maiores demonstração de amor: ser mãe.

As ruínas são uma construção em alvenaria de pedra e argamassa com uma mistura heterogênea, em que se destacam as pequenas conchas de Anchieta. Elas ficam perto do rio que abastece a cidade e se alçam do solo a partir de colunas e paredes de vegetação. São 32 pilares que, acredita-se, também formavam uma antiga salina clandestina em 1561.

Quem escolheu a locação foi a irmã mais nova, que reuniu a família — tomando todos os cuidados necessários — para realizar esse momento.

"Ficou super fantástico. Foi muito especial para a gente. Antes de irmos fizemos exames para nos resguardar, deu negativo, tomamos os cuidados e pudemos registrar esse momento tão especial", contou Louise.

A fotógrafa escolhida para o ensaio foi Marcela Sampaio. A profissional já é conhecida da família desde de 2019, quando foi convidada para fazer as fotos do batizado da filha de Louise. Marcela contou que ficou animada com o convite e ainda mais pela história da sirmãs.

"Foi incrível esse trabalho. Fiquei feliz demais pelo convite e da história. Já nos conhecemos há algum tempo e isso marcou muito a minha vida enquanto profissional. Elas estavam descontraídas, uma energia boa visível em casa clique que fiz. Só a fotografia foi capaz de me proporcionar isso", explicitou Marcela.

Mães e filhos