PUBLICIDADE

Topo

Diversidade

Igor Cosso relata homofobia em set e diz que escondia namorados por medo

O ator Igor Cosso, que se assumiu gay em junho deste ano - Reprodução/Instagram
O ator Igor Cosso, que se assumiu gay em junho deste ano Imagem: Reprodução/Instagram

De Universa, em São Paulo

15/10/2020 10h08

Igor Cosso, que atualmente está no elenco da novela "Salve-se Quem Puder", contou a história de como se assumiu gay em um vídeo para o canal TEDx Talks no YouTube. O ator contou que viveu um episódio de homofobia no set de filmagens de um projeto quando tinha 19 anos.

"Um jornalista publicou que tinha um ator gay em um trabalho que eu fazia, que era eu", contou. "Uns dias depois, eu fui gravar, estava morrendo de medo. Fui entrar no set e um cara da equipe técnica parou, olhou no meu olho e falou para mim, para todo mundo escutar, de propósito: 'O viadinho chegou'. E todo mundo em volta começou a rir".

Igor contou que, naquele dia, chorou muito em casa. "Desabei. Eu estava acabado. Fiquei com vergonha. Isso aconteceu mais vezes em alguns trabalhos na minha vida. Às vezes não comigo, mas com colegas meus", disse.

Medo de se assumir

Mesmo antes da experiência traumática, o ator tinha medo de se assumir pelo que lia na imprensa sobre colegas de profissão LGBTQ+ que perderam oportunidades por causa da sexualidade.

"Eu lia nas revistas e nos jornais gente grande do mercado dizendo que um ator do meu perfil não podia se assumir gay, porque senão ele nunca mais ia trabalhar", disse. "Comecei a engolir um monte de piada machista que eu escutava. Eu não socializava de jeito nenhum com os meus colegas de trabalho, ficava escondendo os meus namoros".

Ele superou o medo em junho deste ano, quando se assumiu em um post no Instagram. Atualmente, Igor namora Heron Leal.

"Agora eu tenho mais de 100 mil pessoas apoiando o meu trabalho nas redes sociais, onde tudo aconteceu. A minha avó, que eu morria de medo de saber da minha jornada, me mandou umas mensagens tão lindas me apoiando que eu jamais vou esquecer", comemorou.

Veja o depoimento completo:

Diversidade