PUBLICIDADE

Topo

Universa

Influencer é criticada após dizer que não trabalharia com pessoas gordas

A influenciadora Samantha Yardley ainda disse no programa que roupas largas não deveriam ser vendidas em massa pois evita o emagrecimento - Reprodução/Instagram/@samanthajyardley
A influenciadora Samantha Yardley ainda disse no programa que roupas largas não deveriam ser vendidas em massa pois evita o emagrecimento Imagem: Reprodução/Instagram/@samanthajyardley

De Universa, em São Paulo

23/07/2020 14h17

Samantha Yardley, uma influenciadora fitness e escritora, está sendo criticada nas redes sociais após dizer em entrevista ao programa de TV britânico "This Morning" que não trabalharia com pessoas gordas, reforçando o discurso que já utiliza em seu site.

A influenciadora foi questionada por um dos apresentadores do programa, Eamonn Holmes, se ela escolheria alguém magro ao invés de uma pessoa gorda para um emprego. E Ela respondeu: "Sim, acho que existem certos processos subconscientes que todos fazemos antes de falar com alguém. Não estou tentando incentivar as pessoas a julgá-las da maneira como parecemos, mas há certas coisas que temos a capacidade de mudar, basta fazer com que uma mudança de estilo de vida seja responsável."

Yardley chegou a dizer que pensa que pessoas gordas não têm autoestima. "Todos nós somos julgados em nossa aparência. Eu não julgaria alguém por estar um pouco acima do peso. Mas se fosse alguém extremamente obeso, eu pensaria que eles não têm autoestima, talvez tenham um estilo de vida errado, talvez haja um problema subjacente", disse a influenciadora de 34 anos no programa.

A escritora e influenciadora ainda comentou que não deveriam ser vendidas roupas largas em massa porque isso não estimula pessoas gordas a perderem peso e que elas precisam "assumir a responsabilidade" já que são mais "letárgicos e preguiçosos".

"Precisamos deixar as coisas mais inconveniente para os obesos. É uma escolha de vida, você precisa comer menos e se exercitar mais", comentou.

Além de Holmes, a outra apresentadora do "This Morning", Ruth Langsford, também ficou assustada com as declarações. Após a entrevistada terminar de falar, Holmes a chamou de "cruel".

A influenciadora recebeu diversos comentários em suas redes sociais após o programa questionando as suas afirmações.

"Meu Deus, não acredito que @thismorning deu a você a hora do dia. Você rindo através da entrevista torna tudo pior! Cada história individual é diferente — lutar com o peso é algo que lidei com toda a minha vida... se eu pudesse causar um 'déficit calórico', todos os meus problemas seriam resolvidos, não é?", questionou uma mulher.

"E todas aquelas pessoas que sofrem de doenças crônicas, onde seus hormônios dificultam a perda de peso, eles ainda são preguiçosos, mesmo que se exercitem todos os dias e não podem perder peso?", perguntou outra pessoa.

"Você não tem ideia do que as pessoas passam e como o que você acabou de dizer afeta as pessoas. A vida não é tão direta quanto você imagina. Isso é muito insensível", disse mais um internauta.

Universa