PUBLICIDADE

Topo

Moda

Entenda como a aliança da Princesa Beatrice quebrou uma tradição real

As alianças de noivado e casamento foram feitas para se encaixarem - Reprodução/Shaun Leane
As alianças de noivado e casamento foram feitas para se encaixarem Imagem: Reprodução/Shaun Leane

De Universa, em São Paulo

21/07/2020 17h46

A Princesa Beatrice, neta da Rainha Elizabeth II, se casou com o milionário italiano Edoardo Mapelli Mozzi em uma cerimônia privada na última sexta-feira (17).

Ao escolher sua aliança de casamento, ela quebrou uma tradição que a família real mantinha desde o casamento de Elizabeth I, em 1923: a joia foi confeccionada em platina, e não ouro galês.

A escolha ousada foi feita por um motivo romântico: a aliança de casamento se encaixa perfeitamente na de noivado, escolhida por Edoardo.

Foi o noivo quem optou por platina enquanto fazia o design da joia com o joalheiro Shaun Leane. Depois, o casal decidiu seguir com o mesmo material para que os dois anéis se complementassem.

"Fizemos a aliança em platina porque queríamos que casasse esteticamente com a aliança de noivado. Os anéis foram feitos um para o outro, e tem um certo romance nisso", conta o joalheiro à revista People.

A tradição de usar alianças de ouro galês foi seguida por quase 100 anos, inclusive pelas noivas mais recentes da família real: Kate Middleton, Meghan Markle e a Princesa Eugenie.

Além de ser feita de platina, a aliança de Beatrice tem mais de 0.5 quilates dos "diamantes da melhor e mais pura qualidade".

Moda