PUBLICIDADE

Topo

Beleza

Chegou às unhas: manicure das famosas ensina a fazer tie-dye em casa

Unha tie-dye de Preta Gil ganhou elogios no Instagram  - Reprodução/Instagram
Unha tie-dye de Preta Gil ganhou elogios no Instagram Imagem: Reprodução/Instagram

Nathália Geraldo

De Universa

20/07/2020 04h00

Você, com certeza, já viu no feed das redes sociais algum influenciador ou famoso usando tie-dye, estampa colorida que já se consagrou como a tendência do momento — mesmo em tempos de isolamento social. O desenho com pegada hippie também chegou às unhas.

A referência de nail art já pipocava em sites internacionais de beleza e nos boards do Pinterest; agora, parece ter sua embaixadora brasileira: a cantora Preta Gil.

Ontem, a famosa publicou uma foto com as unhas coloridas, feitas pela manicure Layla Gonçalves.

Layla manicure - Divulgação - Divulgação
Há 17 anos no ramo, Layla ensina a fazer unha tie-dye, estampa que já é tendência na moda
Imagem: Divulgação

A profissional, que também faz as unhas das atrizes Bruna Marquezine, Fernanda Paes Leme e do ator Paulo Gustavo, diz que Preta foi sua primeira cliente a escolher a técnica — e prevê que, daqui para frente, todo mundo vai estar usando. "A brasileira prefere deixar as unhas mais coloridas para o Carnaval. Mas, quando uma famosa faz, acaba fazendo também".

O passo a passo para a unha tie-dye de Preta foi feito com equipamentos profissionais. Mas, Layla também ensina uma técnica mais simples para fazer em casa. Veja.

Tie-Dye na unha: como faz a de Preta Gil?

Layla contou para Universa que, para fazer as unhas de Preta, usou esmalte em gel e pó acrílico colorido. Na sessão, ela também fez o alongamento das unhas.

"Usei um esmalte branco em gel como base, depois joguei o pó acrílico de várias cores em cima da unha e fui mesclando. Por fim, coloco na cabine UV, por dois minutos", explica a profissional, que está há 17 anos no ramo, ministra cursos como educadora de manicure e faz unhas de porcelana. O pó acrílico, aliás, é justamente o usado para fazer a técnica.

"Essa é uma forma profissional de fazer, porque é preciso cuidado para aplicar o pozinho com batidinhas de leve, para não criar tufos e marcas e mesclar bem uma cor na outra", diz.

Gonçalves explica que, após a etapa da cabine, fica a critério da cliente passar top coat (no caso de Preta, foi usada a versão acrílica) ou deixar secar em uma textura mais "aveludada". "Elas ficam mais foscas, o que também é bonito".

O serviço de alongamento das unhas e a arte tie-dye saem por R$ 450; só o tie-dye, R$ 120. A manicure atende na Barra da Tijuca e no Recreio dos Bandeirantes, no Rio de Janeiro. Por conta do coronavírus, Gonçalves está trabalhando apenas em domicílio e com as roupas de proteção e os cuidados de higiene necessários.

Para fazer em casa

Se você quer testar o tie-dye em casa, há uma forma mais fácil. A manicure explica que basta usar um esmalte branco comum de base, uma esponjinha e ter esmaltes de várias cores ao alcance da mão. "É só dar leves pinceladas do esmalte na esponja e aplicar em cima da unha, em áreas diferentes".

Outra opção colorida para fazer as unhas durante o isolamento é a tendência "Skittles", que nada mais é do que escolher cinco cores que estejam na mesma paleta, e pintar uma unha de cada cor. "Foram as unhas da Bruna no carnaval", revela Gonçalves.

Veja referência de como fazer, do Pinterest:

Beleza