PUBLICIDADE

Topo

Leão é resgatado após ter pernas quebradas para tirar fotos com turistas

Um ano após o resgate, Simba está visivelmente mais saudável - Ravil Valeev
Um ano após o resgate, Simba está visivelmente mais saudável Imagem: Ravil Valeev

De Universa, em São Paulo

17/06/2020 17h45

Um filhote de leão teve uma recuperação "milagrosa", de acordo com veterinários, após ser resgatado de uma rotina de maus-tratos na Rússia.

Simba foi retirado da mãe com poucas semanas de vida por um grupo que cobrava para que turistas tirassem fotos com ele. Dentre outros abusos, ele teve suas pernas traseiras quebradas para que não conseguisse fugir.

Após ser resgatado, o filhote precisou passar por cirurgias para se recuperar — além dos ossos das pernas, sua coluna vertebral também apresentava sinais de violência.

Em um vídeo postado pela veterinária Karen Dallakyan, é possível ver o leão reaprendendo a andar após a cirurgia:

#?????????????? #????????? #?????????????

Uma publicação compartilhada por ????? ???????? (@karendallakyan) em

"Ele praticamente não recebia comida, e por algum motivo eles constantemente derramavam água sobre suas costas durante o inverno", relata a ativista Yulia Ageeva, que liderou a missão de resgate, em entrevista ao jornal The Daily Mirror.

A situação era tão grave que o presidente da Rússia, Vladimir Putin, requisitou uma investigação criminal sobre o caso após ser questionado por ativistas.

Hoje, um ano após o resgate, Simba está visivelmente mais saudável — ele já se recuperou das cirurgias e seus pelos cresceram de volta.

? 22.00 , ??????? ?? ???????????? ??????? ?????? ????!

Uma publicação compartilhada por ????? ???????? (@karendallakyan) em

Fofuras