PUBLICIDADE

Topo

Diversidade

Atriz trans diz que fala de Rowling 'contribui para estigma que tira vidas'

Indya Moore - Reuters
Indya Moore Imagem: Reuters

De Universa, em São Paulo

11/06/2020 11h53

A modelo e atriz Indya Moore, que interpreta Angel na série "Pose", se pronunciou sobre os comentários feitos pela autora J.K. Rowling pelos quais ela foi acusada de transfobia ao procurar fazer distinção entre sexo e gênero.

Moore, uma das vozes do movimento que busca trazer mais diversidade para Hollywood, se tornou a primeira transexual a estampar a capa da revista de moda Elle norte-americana, de junho do ano passado.

"Acho que ela está falando deste lugar de pura estupidez", disse ela à Variety, ontem.

"Quero dizer, é tão idiota. Ela nem está entendendo o quanto a morte e a violência estão por trás de todas essas opiniões que ela está compartilhando nas mídias sociais no momento. Como se ela estivesse contribuindo para tanta violência através da divulgação de seus pensamentos, ideias e opiniões. Ela está contribuindo para um estigma que continua a tirar nossas vidas hoje", acrescentou.

Moore admitiu que ela, como muitos jovens LGBTQIA, era fãs de "Harry Potter", escrito por Rowling, porque proporcionava uma "fuga" e até uma sensação de "libertação". "É tão doloroso, mas também não estou surpresa com isso", disse.

O cocriador de "Pose", Steven Canals, reiterou a fala da atriz. "Neste momento, a opinião dela (Rowling) é realmente prejudicial e danosa e simplesmente não é necessária."

Ontem, quatro dias após a série de tuítes, a autora postou um extenso ensaio em seu site oficial detalhando suas posições e os motivos que a levaram a opinar publicamente sobre o tema. Apesar de criticar um suposto excesso de ativistas, ela buscou afirmar de todas as formas que se importa com vidas de pessoas transgênero, e respeita seu direito de existir e viver como bem entenderem.

Diversidade