PUBLICIDADE

Topo

Transforma

Mulheres protagonizam um mundo em evolução


Transforma

Plataforma criada por ONGs capacita mulheres para cargos políticos

O conteúdo será disponibilizado na internet gratuitamente - Gettyimages
O conteúdo será disponibilizado na internet gratuitamente Imagem: Gettyimages

De Universa, em São Paulo

26/05/2020 19h25

A partir de amanhã, estará disponível online e gratuitamente a plataforma Im.pulsa, que pretende inspirar, conectar e treinar a próxima geração de mulheres líderes políticas no Brasil.

Para marcar o lançamento, será feita uma live das 12h às 13h30 nas redes sociais e no site da Im.pulsa. A transmissão vai contar com a participação de mulheres de diferentes partidos políticos: Soninha Francine (vereadora em São Paulo pelo CIDADANIA), Tabata Amaral (deputada federal pelo PDT-SP), Thainara Faria (vereadora em Araraquara pelo PT-SP) e Thais Ferreira (candidata a deputada estadual no Rio de Janeiro pelo PSOL em 2018).

A Im.pulsa é uma iniciativa das ONGs Elas no Poder e Instituto Update. A ideia é oferecer conteúdo prático e sempre em linguagem acessível e afetiva.

Através de guias, ferramentas, videoaulas e estudos de caso, a plataforma promete capacitar mulheres para atuarem em diversas frentes da política — sejam candidatas, integrantes de equipes de campanha ou simplesmente mulheres buscando mais representatividade na política.

O conteúdo é dividido em três grupos: "Estratégia e planejamento", "Comunicação e mobilização" e "Orçamento e captação".

O primeiro aborda os primeiros passos, desde como lançar uma candidatura até a rotina de um dia de campanha — tudo com instrumentos práticos para o dia a dia (mapeamento de apoiadoras, cronograma e quiz de autoavaliação, entre outros).

Em "Comunicação e mobilização", entra a parte de divulgação: redes sociais, design, assessoria de imprensa e mobilização de voluntárias. "Orçamento e captação" se aprofunda nos pontos relacionados ao financiamento, sempre acompanhando ferramentas práticas para o gerenciamento das áreas.

O projeto conta com 14 instituições parceiras: Allma, Atados, Bancada Ativista, Coletivo MASSA, Cria Preta, Goianas na Urna, Instituto Casa Mãe, Juventude Negra Política, Legisla Brasil, Me Farei Ouvir, Muitas, Pavio Criativo, Puxadinho e Vote Nelas. Uma parte dos recursos utilizados na produção da plataforma vem de uma campanha de financiamento coletivo no Catarse: 795 pessoas apoiaram o projeto e doaram mais de R$ 95 mil.

Transforma