PUBLICIDADE

Topo

Mães e filhos

Delivery de carinho: como uma avó matou saudade da neta em meio à pandemia

A avó, Luciana, mostra as fotos da filha e da neta, que moram em SP - Arquivo Pessoal
A avó, Luciana, mostra as fotos da filha e da neta, que moram em SP Imagem: Arquivo Pessoal

Elisa Soupin

Colaboração para Universa

27/04/2020 04h00Atualizada em 27/04/2020 07h33

Em meio ao isolamento que separa familiares, amigos e amores e preenchem os dias de saudades, algumas iniciativas tem conseguido entregar um pouco de amor na porta de casa. Serviços especiais e personalizados mandam um recado e lembram que quem ama está presente, mesmo que distante.

Esse foi o caso da saudade da família Kaulino. Uma filha e uma neta em São Paulo, uma avó no Rio, muitos quilômetros de saudades e um jeitinho especial para aproximar esse amor familiar que a pandemia de Covid-19 afastou.

Luciana Kaulino, de 49, mãe de Marcela, 29, e avó de Eva, de um aninho, não pega a pequena no colo desde o Natal. Ela se preparava para viajar para São Paulo visitar a família, mas, como a gente sabe, veio a pandemia e adiou os planos.

A saudade aperta muito. Tenho outros dois outros netos que moram aqui no Rio. Bate muita falta e também muita culpa pela Eva morar em São Paulo e eu não poder estar sempre perto", lamenta Luciana.

Marcela e Eva - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Marcela e Eva
Imagem: Arquivo Pessoal
Enquanto a vovó lamentava a saudade, a fotógrafa de festas infantis Júlia Aldenucci, da Matri Fotografia, quebrava a cabeça para entender como poderia trabalhar durante o isolamento social.

"Fiquei gestando várias ideias. É um momento muito delicado e queria fazer algo em que eu sentisse verdade como mulher, como mãe. Meu público é de crianças e mães. Fiquei pensando em materializar as fotos, para trazer afeto para as pessoas. Pensei nos avós que estão sozinhos em casa, distante dos netos" conta.

Daí nasceu a ideia de fazer um ensaio online com mães e filhos e entregar com muitos recadinhos cheios de amor na casa dos avós.

"A minha mãe é super apegada à minha filha, antes, ela vinha pra cá uma vez por mês e agora já não vê a Eva desde o Natal. Além disso, ela ama foto e eu acabo nunca imprimindo as imagens, fica tudo no celular", conta Marcela. "Resolvi fazer o ensaio. A fotógrafa me dirigiu, indicou as poses, falou de pontos legais e iluminados da casa."

Julia, que também mora no Rio, imprimiu as fotos com bilhetes fofos: "Oi, vó, é assim que eu estou hoje" e fez a entrega na portaria de Luciana. Tudo de surpresa.

"Sabe aquele dia que você está triste, pra baixo? Quando interfonaram achei que tivesse chegado mais uma conta. Quando eu abri o envelope e vi, foi a coisa mais linda", lembra Luciana. "Chorei, me emocionei muito. Foi o melhor dia da minha quarentena. Mesmo vendo ela sempre pelo celular, é diferente receber as fotos com tanto carinho."

E aí não houve quem não se emocionasse: filha, avó, fotógrafa. "Vê-la feliz me fez muito feliz também. Acho que representa uma materialização do que a gente tá vivendo, vou olhar pra essas fotos e pra sempre lembrar do que a gente está passando. Foi uma mensagem para a minha mãe pra dizer que estamos aqui e estamos pensando nela. O carinho e o significado da ação foi imenso", diz Marcela.

Manda bolos

A boleira Tatiana - Divulgação - Divulgação
A boleira Tatiana
Imagem: Divulgação
Bolo, recheio, cobertura e saudade. A boleira Tatiana Mibielli, da Brownie Etc, anda trabalhando de casa e entregando a domicílio durante a quarentena. Além de fazer bolos, agora ela também leva carinho nas entregas. Isso porque muitos dos clientes pedem que seus quitutes sejam entregues de surpresa na casa das pessoas que amam, mas de quem estão separados por conta do isolamento social.

Tatiana foi percebendo que, muito mais do que os bolos, os clientes querem que as pessoas amadas saibam que estão sendo lembradas.

"Chegam cada vez mais pedidos para que vá um bilhete junto ao bolo ou aos docinhos que vou entregar para familiares ou amigos. Pro Dia das Mães, quero ajudar filhos e filhas a levarem esse recado de amor ", planeja

Mães e filhos