PUBLICIDADE

Topo

Bolsonaro diz que não haverá aborto no Brasil enquanto ele for presidente

Presidente Jair Bolsonaro - ADRIANO MACHADO/Reuters
Presidente Jair Bolsonaro Imagem: ADRIANO MACHADO/Reuters

De Universa, em São Paulo

23/04/2020 09h08

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse hoje que enquanto ele estiver no cargo "não haverá aborto". A afirmação foi feita depois que um grupo de crianças acompanhadas por um padre o abordou na saída do Palácio da Alvorada dizendo ter um pedido para ele. "Não queremos aborto", repetiram em coro.

"Enquanto eu for presidente não haverá", respondeu Bolsonaro, que ainda ouviu as crianças cantarem duas canções religiosas. Em seguida, ele recebeu um presente de um apoiador e deixou o local, sem falar com a imprensa.

No Brasil, o aborto só é permitido em casos de estupro, se a gravidez oferecer risco à vida da mãe e quando o feto é anencefálico. A pena para mulheres que o praticam fora dessas condições chega a três anos de prisão.

Dados da Pesquisa Nacional do Aborto de 2016, realizada pela Anis, Instituto de Bioética, Direitos Humanos e Gênero, mostram que uma em cada cinco mulheres de até 40 anos no Brasil já abortou.

Nos últimos dez anos, o SUS gastou R$ 500 milhões com complicações de aborto ilegal nos últimos dez anos.

Todo dia, cerca de 1.500 mulheres abortam de maneira ilegal no Brasil. Segundo o Ministério da Saúde, num dia, o SUS faz abortos legais em 4,5 mulheres.

* Com informações de reportagem de Talyta Vespa, de Universa

Direitos da mulher