PUBLICIDADE

Topo

Stalkeadas

Um olhar diferente sobre o que bomba nas redes sociais


Mulher inventa estupro para aparecer? Thread no Twitter desmente esse mito

De Universa

04/04/2020 14h10

Após as denúncias de estupro ligadas ao ex-BBB Felipe Prior virem à tona, na sexta-feira (3), uma enxurrada de comentários nas redes sociais apelou para um clichê bastante comum em casos como esse para tentar provar que os relatos são mentirosos: dizer que a mulher "quer dinheiro" ou "quer aparecer".

Agora, cabe apenas à Justiça atestar se as denúncias são verdadeiras e dar uma condenação, mas, na internet, o julgamento moral das mulheres já começou. O próprio Prior afirmou ficar "muito chateado" pelo fato das acusações surgirem apenas agora, depois que ele participou de um programa de televisão de tanta visibilidade.

Para rebater o senso comum, mulheres criaram uma thread no Twitter explicando que não, uma denúncia de estupro não leva à fama e riqueza, mas ao medo e à perseguição moral.

Começou com essa postagem irônica, com uma mensagem bem clara:

Na sequência, uma seguidora pontuou: as mulheres não só ficam não ficam ricas e famosas como os acusados, e muitas vezes condenados, seguem com sua vida de fama e dinheiro. Um seguidor questionou: "Me cita quantos", e a lista foi longa.

Também foram citados o presidente americano, Donald Trump — acusado de assédio e abuso sexual por diferentes mulheres durante a campanha e já no seu mandato, ele negou as denúncias —, e o jogador de futebol Cristiano Ronaldo, que fez um acordo com a modelo que o processou de R$ 1,5 milhão para encerrar o caso, segundo a CNN divulgou em 2019. Também segundo a imprensa internacional, ele teria dito aos seus advogados que a mulher pediu a ele que parasse o ato.

Ué, mas a que processou o Cristiano Ronaldo não ficou rica? Para isso também teve resposta.

E, por fim, um resumo do que significa fazer uma denúncia de estupro na grande maioria dos casos.

Stalkeadas