PUBLICIDADE

Topo

Relacionamentos

Emma Watson defende que relacionamento deve ter consentimento e negociação

Paolo Roversi/via REUTERS
Imagem: Paolo Roversi/via REUTERS

De Universa, em São Paulo

30/03/2020 12h01

A atriz britânica Emma Watson, que se notabilizou pela participação na saga Harry Potter e no filme "Adoráveis Mulheres", acredita que consentimento e negociação são características importantes em um relacionamento.

Em conversa com Valerie Hudson (autora do livro "Sex and World Peace) publicada pela revista Teen Vogue, Emma disse que os relacionamentos que não seguem modelos tradicionais costumam ter mais diálogo e consentimento — o que, segundo ela, faz os parceiros mais felizes.

"[Relacionamento não tradicional] requer uma conversa e um acordo real sobre a delegação de tarefas e responsabilidades que talvez você não veja necessidade normalmente", explica Emma.

"A ideia de que os relacionamentos devem ser fáceis e que tudo é implicitamente entendido é besteira, é impossível", defende.

Emma disse que muitos dos relacionamentos mais saudáveis que ela viu envolviam pessoas do mesmo sexo porque eles precisam sentar e fazer acordos. "Eles concordam sobre as coisas entre eles em oposição aceitar outras suposições e expectativas que são feitas".

A atriz cita a cultura kink — que abarca práticas sexuais não convencionais como o fetichismo e o BDSM — como referência de comunicação nos relacionamentos pela necessidade que eles têm de trabalhar o consentimento. "Eles sabem tudo sobre consentimento, mas todos nós poderíamos seguir esse modelo porque é realmente útil".

Na conversa, Valerie Hudson citou a importância de se perceber que o casamento tradicional não é o único estilo de relacionamento possível.

"Uma das coisas realmente importantes que a modernidade fez foi sugerir que essa natureza contratual do casamento não era o único tipo de casamento a ter", defende. "Havia de fato um modelo diferente baseado em parceria, respeito e consideração que poderia ser um tipo de relacionamento muito mais saudável, próspero e feliz do que você já viu anteriormente".

#MeToo

Emma Watson também aproveitou a oportunidade para falar sobre o #MeToo — movimento de denúncia de casos de assédio sexual na indústria do cinema.

"Muitos homens estão me dizendo que não fazem reuniões com mulheres a sós e precisam tem mais alguém na sala. Caso contrário, isso prejudicará o movimento das mulheres, já que os homens terão muito menos probabilidade de querer trabalhar com elas", denunciou.

Relacionamentos