PUBLICIDADE

Topo

Stalkeadas

Um olhar diferente sobre o que bomba nas redes sociais


Coronasutra, 'unha de corona' e memes tentam aliviar tensão com covid-19

Coronha unha - Reprodução
Coronha unha Imagem: Reprodução

De Universa

14/03/2020 04h03

Mesmo aproximando-se da marca de 100 infectados confirmados no Brasil, com festivais de música, shows, palestras, reuniões e encontros adiados ou cancelados, o covid-19 não pôde impedir os brasileiros de fazerem piadas com o assunto.

Na rede, pipocam memes como o "Coronasutra", um guia falso com posições sexuais que dificultam a transmissão do vírus, o que não é verdade.

Um falso salão de manicure no Facebook teve mais de 4 mil compartilhamentos da "Coronhaunha", montagem com uma unha que 'veste máscara' e carrega uma reprodução do vírus.

Reprodução
Imagem: Reprodução

Coronasutra - Reprodução
Coronasutra
Imagem: Reprodução

De acordo a Fundação Getúlio Vargas (FGV), até a última semana de fevereiro o coronavírus ainda era tratado mais como piada do que um medo.

Agora, com avanço da doença pelo Brasil, a percepção mudou e deu lugar ao riso de nervoso.

A gente tá como?

Até o vírus fica confuso

HAHAHAHAHhahaha....hahah...ha... :(

E o corona tá como?

Claro que nem todo mundo vai achar graça de memes sobre coronavírus. Mas para o especialista Paul Lewis, autor de um livro que analisa o humor em tempos de conflitos mundiais, os memes são uma forma para diminuir a pressão, a ansiedade e em busco de alívio nesse momento.

De acordo com um estudo da agência americana Spriklr, as redes sociais, a televisão e portais de notícia fizeram mais de 200 milhões de citações. É difícil driblar o assunto.

"As pessoas costumam fazer piada sobre qualquer coisa, mas quando tudo sugere para que as notícias piores e tem elementos que causam medo, piadas são uma maneira temporária para passar por cima da crise e diminui-la", disse Lewis em entrevista à publicação americana Wired.

Stalkeadas