PUBLICIDADE

Topo

Noiva vai receber R$ 4 mil por vestido apertado demais em Goiás

Noiva de Anapólis (GO) vai receber R$ 4 mil em indenização por vestido alugado que apertou demais - Getty Images/iStockphoto
Noiva de Anapólis (GO) vai receber R$ 4 mil em indenização por vestido alugado que apertou demais Imagem: Getty Images/iStockphoto

Marcos Candido

De Universa

28/02/2020 13h29

Um zíper gerou um processo de R$ 4 mil contra uma loja de vestidos de noiva em Anápolis, Goiás. Antes de subir ao altar, uma cliente descobriu que ajustes deixaram a peça apertada demais. Assim, o zíper não fechava. Imagina?

Na sentença, a Justiça de Goiás entendeu que "a cerimônia precede meses de organização e preparo" e, por esse motivo, o vestido apertado ultrapassou os "dissabores do cotidiano" e causou danos morais à noiva e constrangimento diante dos convidados. O juiz negou o recurso apresentado pela loja Vânia Noivas, de Anápolis.

Em nota, a Vânia Noivas, criada há 15 anos, reconhece que o zíper quebrou devido à justeza que geralmente é pedida por noivas para alugar um vestido.

"Quando houve a reclamação tentamos de todas as formas reparar os danos, mas infelizmente a outra parte não quis acordo e preferiu as vias judiciais. Vamos cumprir a ordem judicial, reparar o [valor solicitado] e continuar fazendo o melhor para nossos clientes", explica a marca.

Casamento