PUBLICIDADE

Topo

Sexo

Hoje não? Veja 10 dicas para quem nunca tem tempo pro sexo

Do sexo à faxina, a dor de cabeça pode aparecer para certas pessoas - Getty Images
Do sexo à faxina, a dor de cabeça pode aparecer para certas pessoas Imagem: Getty Images

Heloísa Noronha

Colaboração com Universa

26/02/2020 04h00

É fato: casais que trabalham muito, com ou sem filhos, que chegam em casa tarde ou têm horários distintos sempre acabam deixando o sexo para outro dia. O cansaço, a exaustão, as preocupações com as demandas da semana e a proximidade do par fazem com que transar vire alvo de um adiamento eterno. Com a procrastinação, as pessoas nunca chegam às vias de fato e acabam perdendo também a intimidade e a cumplicidade necessárias para alimentar qualquer relação. A boa notícia é que, com atitudes simples, é possível reverter a situação. Confira:

1- Reflita


Você está mesmo sem tempo para transar? Entenda que, às vezes, é questão de elencar prioridades. "Se você ficasse doente e tivesse que passar uma hora do seu dia no hospital, conseguiria fazer isso? É provável que sim. E como não consegue 20 ou 30 minutos para momentos de sexo? Não é tempo que falta, o que falta é colocar a vida sexual como prioridade. Privilegiamos tantas coisas que esquecemos do relacionamento e, de repente, de um dia para o outro, tudo acaba. Não é que acabou de repente, foi acabando por não o priorizarmos", esclarece Marlon Mattedi, psicólogo especialista em sexualidade humana da plataforma Sexo sem Dúvida.

2- Qualidade é diferente de quantidade

Lembre-se que não é quantidade de horas que vocês passam juntos que importa, mas sim a qualidade delas. De nada adianta estarem os dois em casa, por exemplo, e não conversarem ou fazerem algo juntos. "Os dois estarão apenas no mesmo ambiente físico, porém sem conexão alguma. Então, evitem cobranças sobre a quantidade de tempo. É melhor uma hora com a atenção plena no parceiro do que cinco horas cada um em seu canto", diz o psicólogo Yuri Busin, diretor do CASME (Centro de Atenção à Saúde Mental Equilíbrio), em São Paulo (SP).

3- Sexo com data e hora

Marquem de fazer sexo na agenda. Sim, isso mesmo! O senso comum, alimentado pelas comédias românticas e pela literatura erótica, costuma pregar que sexo bom é aquele que acontece espontaneamente, preferencialmente em cima de uma mesa ou em um banheiro qualquer. Isso é maravilhoso, claro, mas na vida prática as coisas não funcionam bem assim, especialmente entre casais que já estão juntos há um certo tempo. Para esses, o ideal é apostar no sex dating, o sexo com hora agendada. "Marcar encontros focados na atividade sexual é algo que desencadeia, sim, um extremo prazer. Combinem horário, local e até detalhes de planejamento, como quem leva a camisinha e quem compra o vinho. O empenho e o entusiasmo certamente vão resgatar a cumplicidade e a intimidade", fala Marina Simas, psicóloga e sócia-diretora do Instituto do Casal, em São Paulo (SP).

4- Use a imaginação

Pense em sexo pelo menos uma ou duas vezes por dia. Quantos minutos por dia você pensa em sexo? "Se trabalha tanto, se dedica tanto à família, aos compromissos e à casa e não tem tempo para pensar em sexo, é provável que também não terá tempo para viver o sexo com alguém", comenta Marlon. "Antes de querer achar tempo para transar com alguém, você tem que ter alguns minutos para você. Pensar em sexo, em cenas eróticas e agradáveis, nem que seja por um ou dois minutos por dia, já gera bons impulsos para o desejo", garante o psicólogo.

5- Envie sinais

Sentiu um desejo durante o dia? Envie sinais ao par. Pode ser uma foto, sem mostrar seu rosto, mas que identifique o seu desejo. O pico de desejo raras vezes vem às 23h, que é quando boa parte dos casais vai para a cama. Na maioria dos casos, o tesão surge durante o dia quando menos estamos esperando. Assim, mandar uma foto não identificada gera estímulos para quem manda e para quem recebe.

6- Mude o roteiro

Às vezes, a preguiça e a falta de motivação para transar acontecem porque você já sabe previamente TUDO o que vai acontecer: um beijinho aqui, uma carícia ali, uma mão que faz um determinado movimento, uma língua que percorre o mamilo num ângulo de 90º. O pensamento - provavelmente inconsciente - é que não vale a pena perder tempo com algo pré-estabelecido. "Busque inovar e usar a criatividade para agir fora do padrão conhecido. Desperte novos estímulos, proponha novas posições, traga fantasias para a relação", orienta Marina. Uma rapidinha no sofá da sala de uns cinco minutos não consome tempo algum e ainda estimula o desejo, fazendo o casal querer mais.

7- Tomem um banho juntos

Mesmo que seja ao final de um dia cansativo, depois que as crianças já dormiram, por que não? "Curtam o momento, ensaboem um ao outro, troquem massagens e carícias. Se não têm tempo para a cama, no chuveiro talvez dê para aproveitar. Que tal?", propõe Marlon.

8- Alimentem o tesão

De acordo com Yuri, demonstrar desejo pode ocorrer durante o dia de trabalho em que ambos estão separados, mandando mensagens picantes ou conversando sobre as coisas eróticas que pretendem fazer mais tarde, ao se encontrarem. "Provocar um ao outro pode ajudar a reacender as vontades. Algumas pessoas podem ter vergonha ou desconfiar que isso não irá funcionar, mas não se trata de uma fórmula mágica, mas de tentar e focar um pouco no relacionamento. Assim, ambos irão reavaliando e ajustando aquilo que mais gostam", diz.

9- Conversem sobre sexo

O diálogo de um casal não precisa se resumir sobre quem busca o filho na escola no dia seguinte ou se vão ou não pagar um boleto antes da data de vencimento. "É preciso trocar ideias sobre sexo. Não em forma de brigas ou cobranças, mas sobre como podem ajustar melhor a frequência e o que estão dispostos a fazer para apimentar as coisas na cama. Falar abre caminho para mais intimidade e novas possibilidades", diz Yuri.

10- Fique nu

Durma pelo menos uma vez por semana totalmente sem roupa. "O simples fato de deitar e sentir o contato da pele nua com a pele do par faz com que o organismo comece a liberar substâncias estimulantes importantes no corpo. Não se deite nua esperando o desejo vir, deite-se nua para sentir o corpo da outra pessoa. Uma hora ou outra o desejo tende a dar sinal", pontua Marlon, da plataforma Sexo sem Dúvida.

Sexo