PUBLICIDADE

Topo

Alto Astral


Mercúrio retrógrado sem medo: é tempo de falar menos e refletir sobre vida

Koldunova_Anna/Getty Images/iStockphoto
Imagem: Koldunova_Anna/Getty Images/iStockphoto

Claudia Dias

Colaboração para Universa

16/02/2020 04h00

Às 21h54 deste domingo (16), Mercúrio começa seu movimento retrógrado em 12º53 de Peixes. Até 10 de março, o planeta segue em ritmo mais lento, gerando a sensação de que está andando em sentido contrário — o que é apenas uma ilusão de ótica. O conselho mais importante para o período é: fale menos; ouça e observe mais.

Esta é a primeira das três retrogradações do planeta Mercúrio previstas para 2020 — as outras vão acontecer entre 18 de junho e 12 de julho e de 13 de outubro a 3 de novembro. "É um movimento que nos permite adquirir consciência sobre a nossa expressão em geral", destaca a astróloga Paula Arruda.

De acordo com ela, como Mercúrio vai retrogradar no signo de Peixes, esta é uma oportunidade interessante para perceber como cada um se permite entrar em contato com as próprias emoções, bem como demonstrar os sentimentos.

É momento de pensar e focar nas emoções

"Na fase de retrogradação, somos convidados a repensar, refazer, rever a nossa comunicação em geral. Isso vale para reescrever um artigo, reler um livro ou mesmo estudar de novo uma matéria importante. É necessário ainda estar mais atento à maneira que defende uma ideia e costuma ouvir opiniões diferentes", avisa.

Além do mais, é comum haver falha na comunicação de toda natureza. Justamente por isso, as pessoas precisam estar dispostas a prestar mais atenção no que ouvem para não tirar conclusões precipitadas.

"É um momento precioso para percebermos como, muitas vezes, falamos muito mais do que necessário e gastamos energia nos envolvendo em assuntos ou situações que não valem a pena", observa Paula.

Quem vai sentir mais

Como Mercúrio retrograda em Peixes, é esperado que este seja o signo que mais vai sentir tal movimento. De acordo com a astróloga, os outros signos de energia mutável— Virgem, Gêmeos e Sagitário — também serão bem influenciados, uma vez que que o Mercúrio Retrógrado ("MR" para os íntimos) vai "conversar" com eles — no caso, realizando oposição a Virgem e quadratura com Gêmeos e Sagitário.

"Isso vale, também, para quem tem ascendente nesses signos", avisa a especialista.

Como agir até 10 de março

Durante a retrogradação de Mercúrio, convém adotar algumas atitudes para evitar ruídos de comunicação e consequentes dores de cabeça. Por isso:

  • Observe mais, fale menos e não dê a sua opinião caso não seja solicitada.
  • Respire fundo e evite reagir de forma automática. "A fase pede cautela; quanto mais pensar antes de falar, melhor", reforça Paula.
  • Se agir impulsivamente e magoar alguém, acalme-se e converse com a pessoa. Admita seu erro e mostre estar arrependido. "Esse período beneficia DRs", observa a astróloga.
  • Ao mandar mensagens de texto, leia com atenção o que escreveu e só as envie quando tiver certeza de que a ideia está clara. Como as falhas na comunicação são comuns em Mercúrio Retrógrado, é melhor se precaver para a pessoa não entender algo completamente diferente do que você queria dizer.
  • Tente ser o mais objetivo possível. Evite grandes explicações porque a tendência é o raciocínio se perder no meio do discurso. "Pratique o 'falar só o essencial'", sugere Paula.
  • Pare de gastar energia com fofocas ou comentários do gênero - o que poderia se estender para toda a vida, correto? A astróloga comenta que Mercúrio Retrógrado é um ótimo período para tal mudança de hábito, já que ensina como se expressar com mais consciência e sabedoria.
  • Concentre-se para estar no momento presente. "A ansiedade surge quando estamos com o pensamento no amanhã ou com medo de 'se não der certo' ou 'se acontecer um imprevisto'. Isso causa precipitação. Para evitar algo do tipo, lembre-se de que é o 'hoje bem vivido' que constrói o futuro", frisa a astróloga.

Como cada signo pode agir no Mercúrio retrógrado

Já que Mercúrio Retrógrado traz a oportunidade para todo mundo rever, refazer e reorganiza a vida, a especialista Paula Arruda dá algumas dicas sobre o que cada signo deve refletir nesse período:

Áries: perceba se tem usado sua coragem com sabedoria. Faça exercícios para evitar que o imediatismo traga atitudes impulsivas.

Touro: observe se está numa zona de conforto que lhe aprisiona. Entenda que toda mudança pode ser muito produtiva.

Gêmeos: pondere se pode trabalhar melhor sua escuta interna. Perceba que o "falar demais", muitas vezes, é uma fuga.

Câncer: investigue se tem cuidado da sua relação com as suas raízes. Para avançar, toda pessoa precisa ter solidez sobre sua origem.

Leão: note se anda muito autocentrado e preocupado apenas com questões pessoais. Compartilhe seu momento com pessoas especiais.

Virgem: examine se anda se criticando demais. Quando a crítica limita, acaba se tornando uma autossabotagem.

Libra: analise a forma como tem se colocado em situações que exigem sua atenção. É hora de defender seu ponto de vista, sem medo.

Escorpião: verifique qual área da vida existe muito controle. Perceba de onde vem essa insegurança.

Sagitário: pese se tem sido muito individualista. Entenda que é possível um meio-termo, sem comprometer sua liberdade.

Capricórnio: repense se não anda trabalhando em demasia. Perceba que se divertir também é importante, em qualquer fase da vida.

Aquário: confira se tem sido muito intransigente. Note que "ceder" significa perder, ou seja, ser mais flexível é imprescindível para sua saúde.

Peixes: averigue se tem idealizado demais e, por consequência, se frustrado. Entenda que é possível enxergar a vida como ela é, sem perder a capacidade de sonhar.

Alto Astral