PUBLICIDADE

Topo

Mães e filhos

Paolla Oliveira sobre congelar óvulos: 'Corpo envelhecendo antes da hora'

Paolla Oliveira durante edição do programa Saia Justa - Reprodução/GNT
Paolla Oliveira durante edição do programa Saia Justa Imagem: Reprodução/GNT

De Universa, em São Paulo

13/02/2020 06h50

A atriz Paolla Oliveira participou do programa Saia Justa Verão de ontem, no GNT, e falou sobre a sua decisão de congelar óvulos e adiar a maternidade.

"Não foi uma coisa do tipo 'eu quero congelar', foi uma recomendação médica", revelou a atriz de 37 anos durante a conversa. "Eu cheguei no consultório em um estado de estresse e a médica me falou: 'você está toda desequilibrada e com um corpo que não condiz com a sua idade. Provavelmente terá um problema x, y ou z com seus óvulos", lembrou.

A global continuou reproduzindo os dizeres que ouviu da médica: "O seu corpo não está bem. As pressões que você está carregando, o estresse de trabalho ou o que quer que seja está fazendo o seu corpo envelhecer antes da hora".

Com isso, Paolla tomou a decisão de congelar os óvulos e preservar a sua fertilidade feminina. Na época da consulta, a atriz estava com 35 anos e nem passava por sua cabeça em ser mãe.

"Antes de falar de congelamento, sobre ser mãe, é bom sabermos o que estamos fazendo com os nossos corpos para que eles não possibilitem a gente de achar que estamos bem, mas na verdade não estamos tão bem para gerar um filho", disse a atriz que interpretou Vivi Guedes em A Dona do Pedaço, da Rede Globo.

A cantora Pitty, uma das apresentadoras, acrescentou sobre o assunto: "É legal explicar que congelar os óvulos não quer dizer que você necessariamente vai querer ser mãe. Você pode estar colocando para mais pra frente uma coisa que talvez não tenha certeza agora, ou que o momento não está compatível por uma questão de relacionamento ou outras coisas".

"Exato. A gente não está parando a vida. A gente está se precavendo e se dando outras oportunidades. Ando superfeliz e mais tranquila após ter congelado os óvulos", conclui Paolla, que está solteira e se preparando para desfilar na Sapucaí pela escola Grande Rio no Carnaval 2020.

O congelamento de óvulos, de nome técnico criopreservação de oócitos e embriões, é recomendado para mulheres a partir de 35 anos que querem adiar a maternidade por mais algum tempo. O método não deixa os óvulos envelhecerem e preserva a fertilidade feminina. O procedimento é um dos mais procurados entre mulheres que pretendem ter filhos após os 40 anos.

Mães e filhos