PUBLICIDADE

Topo

Só o sorriso do pitbull Sansão pode animar seu dia; vem ver

Nathália Geraldo

De Universa

17/01/2020 04h00

"Um sorriso só traz alegria", resumiu com propriedade o grupo de pagode Jeito Moleque na música "Hoje a noite é nossa". E, aparentemente, o sorriso de Sansão é mais do que felicidade; ele é capaz de animar a vida de pelo menos 29 mil pessoas, que acompanham a conta pessoal dessa "Figura pública", como é sua descrição no Instagram.

Sansão é um pitbull, de Santa Bárbara d'Oeste (SP), que chama atenção nas redes sociais por conta de sua aparente descontração canina. Quem atualiza a conta (@sansaopitbull) claro, é a dona do animal, a personal trainer Geovanna Coletti de Almeida.

Conheça esse ícone do Instagram.

Sansão: pitbull sorri e cativa a internet

A história de Sansão é de dias de luta e dias de glória. Presente recebido por Geovanna, dado por seu marido Alex, o pet chegou à vida do casal com 35 dias. E um dia antes de eles se casarem.

"Nos mudamos para uma casa com um quarto que não tinha nada: só nossa cama, uma cadeira e a caminha do Sansão. E ele passou todos os perrengues com a gente, inclusive morando em casa de telha de 'Brasilit', onde fazia muito calor", conta Geovanna.

No tempo em que ela e o marido ficaram desempregados, o pitbull precisou dividir a comida com eles. "Não tinha dinheiro para comprar ração para ele. Então, ele comia o arroz que sobrava do nosso almoço", relata. "Até quando alagou nossa casa, ele estava com a gente. É uma história de superação".

Sansão, hoje, tem quatro anos e divide a atenção com as cadelas Melita (que passou a fazer parte da família em 2018) e Hannah (que foi adotada em 2019). Sua "alegria", no entanto, o fez se destacar no meio dos animais da casa — a ponto de ter a conta do Instagram criada pela personal trainer.

Geovanna explica que o jeito feliz não é mera máscara social do cachorro. Ele é mesmo muito amoroso e carismático. Nunca mordeu as galinhas, nem o pato, nem os passarinhos que já foram criados pela família. O hamster, atual morador da casa, também tem boa relação com ele.

"Já chegaram a me perguntar se ele tinha alguma síndrome [que alterasse seu comportamento], porque ele é muito bobão. As crianças adoram brincar com ele. E ele ainda adora a Hannah e a Melita. Cada um tem uma cama, mas elas dormem na do Sansão. Às vezes, ele dorme no chão por isso e nem liga".

A mansidão de Sansão chega ao ponto de ele ser muito próximo até do carteiro do bairro, diz Geovanna. "Ele leva um petisco para o Sansão toda semana. E o Sansão já sabe. Ele adora o carteiro".

Além de espalhar sorrisos, Sansão tem outra tarefa na vida, ressalta Geovanna. Com as publicações, ela quer que ele ajude a desmistificar o preconceito contra cachorros grandes — especialmente pitbull, que são considerados violentos ou perigosos.

Fofuras