PUBLICIDADE

Topo

Mãe afirma que filha foi expulsa da escola após comprar um bolo arco-íris

Kayla Kenney foi expulsa da escola - Reprodução/Facebook
Kayla Kenney foi expulsa da escola Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

17/01/2020 20h29

Uma mulher que vive na cidade de Louisville, Kentucky, EUA afirmou que uma escola cristã expulsou sua filha após a adolescente celebrar seu aniversário com um bolo de arco-íris. As informações são do Buzzfeed News.

Em dezembro, quando Kayla Kenney fez 15 anos, a sua mãe, Kimberly Alford, publicou uma foto da jovem com um bolo com as cores do arco-íris. A menina também usava um suéter com listras coloridas.

Uma semana depois, Alford disse que recebeu um e-mail de Bruce Jacobson, o diretor da escola Whitefield Academy, onde sua filha estudava.

No e-mail, Alford disse que Jacobson escreveu que Kayla havia sido expulsa por conta de uma postagem nas redes sociais.

O e-mail tinha a foto de Kayla e o bolo, disse ela. A família também recebeu uma declaração de que ela estava sendo "afastada" por uma "violação contínua do código de conduta [da escola]".

O arco-íris é um símbolo da comunidade LGBT, mas Alford afirmou que sua filha se reconhece como heterossexual.

Segundo a mãe, as autoridades da escola afirmaram que ela deveria saber que as cores "representavam o orgulho gay" e ter recusado o bolo.

Em nota, a escola afirmou que a jovem foi expulsa por problemas comportamentais. A mãe confirma que Kayla já fumou cigarros eletrônicos e faltou às aulas, mas que desde outubro, ela não tinha tido nenhum problema.

Diversidade