PUBLICIDADE

Topo

Autoestima

Após críticas ao corpo, Lizzo dança e ensina: "Você é bonita"

Cantora Lizzo vem ao Brasil em fevereiro deste ano - Reprodução/Instagram @lizzobeeating
Cantora Lizzo vem ao Brasil em fevereiro deste ano Imagem: Reprodução/Instagram @lizzobeeating

De Universa

16/01/2020 11h32

"Eu te amo. Você é bonita. Você pode fazer qualquer coisa. (Repita)", ensina Lizzo, dias após a personal trainer americana Jillian Michaels insinuar que a cantora pode desenvolver diabetes por seu peso. Ela escolheu responder as críticas em vídeo, dançando o hit Saweetie, "My Type" ao lado de amigas, com biquíni metalizado, na praia de Piha, Nova Zelândia, na manhã desta quinta-feira (16).

Cantora Lizzo dança de biquíni em praia da Nova Zelândia

Universa

Numa entrevista recente ao programa AM to DM, Jillian Michaels disse que a sociedade deveria sempre ser inclusiva com pessoas gordas, mas que a mídia não deveria "glorificar a obesidade". A apresentadora citou mulheres que falam de aceitação corporal como a modelo Ashley Graham e Lizzo.

A fala de Jillian foi mal recebida, e ela recebeu muitas críticas de internautas, incluindo celebridades. Vendo a repercussão negativa, ela foi ao Twitter dizer que não tem nada contra a cantora, mas está preocupada com seu bem-estar.

"Como afirmei repetidamente, somos todos bonitos, dignos e igualmente merecedores. Eu também sinto fortemente que nos amamos o suficiente para reconhecer que há sérias consequências para a saúde que surgem com a obesidade - doenças cardíacas, diabetes, câncer, entre outras. Eu nunca desejaria isso para ninguém e espero que priorizemos nossa saúde porque amamos a nós mesmos e a nossos corpos.", ela escreveu.

Lizzo não respondeu diretamente à personal, mas postou mensagens positivas e de autoestima em seu Instagram.

I love you. You are beautiful. You can do anything. (Repeat)

Uma publicação compartilhada por Lizzo (@lizzobeeating) em

Em fevereiro próximo, Lizzo virá ao Brasil pela primeira vez, e fará pocket show para convidados no Rio de janeiro.

Autoestima