PUBLICIDADE

Topo

Beleza

Avon anuncia encerramento de testes em animais para seus produtos

Bruno Rocha/Estadão Conteúdo
Imagem: Bruno Rocha/Estadão Conteúdo

De Universa, em São Paulo

18/12/2019 09h53

A Avon anunciou, na manhã de hoje, que removeu de suas atividades qualquer tipo de teste em animais para todas as suas marcas e mercados - incluindo a China, país em que o procedimento é obrigatório por uma lei para determinadas categorias de produtos.

O comunicado da empresa de cosméticos afirma que "para o mercado chinês, importante para os negócios da companhia, a Avon fará algumas reformulações nas linhas de produtos e abertura de novos canais de e-commerce, que não exijam o cumprimento dos requisitos legais do país para testes em animais".

O presidente da Avon, José Vicente Marino, disse que a iniciativa foi tomada após testes feitos há vários anos. A empresa foi comprada pela Natura em maio deste ano.

"Na Avon, não acreditamos que os testes em animais sejam necessários para garantir a segurança de um produto. Temos trabalhado para promover a aceitação de métodos alternativos de testes há muitos anos, com parceiros como o Instituto para Ciências In Vitro, FRAME e a Humane Society International".

Marino ainda disse que o banimento atende às expectativas dos consumidores. "Continuaremos a trabalhar com essas e outras organizações para impulsionar a indústria 'cruelty-free' no futuro. Estamos confiantes de que esse avanço apoiará nossos esforços para atender às expectativas de nossos clientes e revendedoras em todo o mundo".

Beleza