Topo

Homem atira em rosto de mulher em suposto assalto; família suspeita de ex

Aliny Gama

Colaboração para o UOL

26/11/2019 14h29

Uma mulher de 23 anos levou um tiro no rosto durante suposto assalto à loja em que ela trabalha no município de São Miguel, na região oeste do Rio Grande do Norte, no último sábado (23). O suposto assaltante fugiu levando pouca coisa, apesar de a mulher ter entregado o dinheiro do caixa. Familiares da vítima acreditam que ela foi vítima de tentativa de feminicídio.

A vítima é Renata Ranyelle Almeida, 23. Ela está internada em estado grave na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Tarcísio Maia, em Mossoró (RN). Até agora nenhum suspeito foi preso.

O criminoso chegou de moto à loja e entrou no local usando capacete para dificultar a identificação. Segundo testemunhas, outras mulheres estavam na loja, mas o homem foi em direção a Renata. A ação criminosa foi filmada pelo circuito de gravação do estabelecimento comercial. As imagens são fortes.

A gravação mostra o assaltante levando a jovem para o caixa sob a mira de uma arma de fogo. A mulher coloca a gaveta de dinheiro em cima do balcão para o suposto assaltante pegar, mas ele atira na cabeça dela e sai da loja com poucos itens no bolso. O homem fugiu na moto, que não teve a placa anotada, em direção à rodovia RN-177, que liga São Miguel a Pau dos Ferros (RN).

Familiares suspeitam da participação de um ex-namorado de Renata, pois ela tinha dado fim ao relacionamento e ele estaria inconformado. A polícia informou que o ex-namorado da jovem já prestou depoimento e negou participação no crime. Detalhes do conteúdo do depoimento dele não foram repassados à imprensa.

A polícia já começou a ouvir testemunhas e familiares da vítima. Todas as linhas de investigação não são descartadas. "A investigação está sob sigilo para não ser prejudicada. Não é descartada a possibilidade de uma tentativa de homicídio", informou a polícia.

Violência contra a mulher