Topo

Diego Hypolito é criticado por se encontrar com Bolsonaro: "É uma vergonha"

Jair Bolsonaro publica foto de encontro com Diego Hypolito - Reprodução/Facebook
Jair Bolsonaro publica foto de encontro com Diego Hypolito Imagem: Reprodução/Facebook

De Universa, em São Paulo

21/11/2019 10h20

O ginasta Diego Hypolito e Jair Bolsonaro (sem partido) se encontraram ontem, de acordo com post do presidente da República em seu instagram. Diego se revelou homossexual neste ano, em depoimento ao UOL Esporte, e a reunião gerou críticas na web, uma vez que Bolsonaro já fez comentários homofóbicos.

Na legenda da foto, Bolsonaro escreveu: "Hoje com Diego Hypolito. Uma satisfação conversar com esse renomado atleta olímpico."

Diego, por sua vez, foi cobrado por seguidores por conta da reunião. Um deles criticou: "Pena que apoia candidatos que menosprezam a orientação sexual das pessoas e vão contra tudo que uma classe discriminada tenta avançar". As críticas a Diego aconteceram em seu perfil no Instagram, em um post do livro que vem promovendo - publicação que sequer tinha menções ao presidente.

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram

Em resposta, Diego afirmou: "não sou da esquerda, nem da direita, sou de Deus!". O ginasta justificou que o encontro é uma forma de tentar fomentar o esporte. "Quero poder ajudar pessoas. Eu, em minha vida, serei muito julgado, e sei. Mas devemos viver e tentar ajudar mais pessoas. No esporte, foi muito complicado e quero de alguma forma ajudar outros atletas".

Outro seguidor atacou a frase de Diego, sobre não ser "de direita e nem de esquerda" e disse: "É uma vergonha ter que conviver com gente que enfrenta o preconceito na pele e mesmo assim não tem noção e bom senso. Bolsonaro te odeia, os eleitores dele te odeiam. Acorda, evolua, melhore."

O ginasta afirmou que o encontro foi um convite do presidente. "Não sou dono de nenhuma verdade. Ele me chamou para conversar, eu só vim! É certo, é errado? Não sei, sou um eterno aprendiz. Respeito tudo que qualquer pessoa achar ou pensar! Mas devo querer ajudar mais pessoas! Eu não mudei em nada só porque tirei foto com o presidente, Michelle etc!".

Diversidade