Topo

Maria do Rosário doa indenização de mais de R$ 20 mil paga por Bolsonaro

Um dos episódios mais polêmicos de sua trajetória, Bolsonaro disse a Maria do Rosário que ela "não merecia ser estuprada" - Zeca Ribeiro/Ag. Câmara
Um dos episódios mais polêmicos de sua trajetória, Bolsonaro disse a Maria do Rosário que ela 'não merecia ser estuprada' Imagem: Zeca Ribeiro/Ag. Câmara

De Universa

19/11/2019 16h37

A deputada federal Maria do Rosário (PT-RS) afirmou no Twitter que doou a indenização de R$ 20.114,01, paga pelo presidente Jair Bolsonaro, a sete entidades que defendem as mulheres.

O chefe do Executivo foi condenado a pagar a reparação por ter dito à petista que "não te estupro porque você não merece".

"Por todas nós! Porque nenhuma mulher merece ser estuprada, porque o amor nos move e a luta nos liberta. Total recebido: R$ 20.114,01 Total doado a sete entidades: R$ 20.114,01. Total para cada entidade: 2.873,43", escreveu a deputada no Twitter.

Após pagar a indenização, Bolsonaro fez um pedido público de desculpas. A deputada afirmou, na ocasião, que o pedido feito pelo presidente a ela era "uma vitória de todas as mulheres agredidas e ofendidas diariamente pelo machismo em nosso país".

No texto, o presidente ainda manifestou "integral e irrestrito respeito às mulheres" e citou sua atividade parlamentar, como quando defendeu penas mais severas para autores de crimes sexuais e disse que as mulheres são uma prioridade de seu governo.

Violência contra a mulher