Topo

Transforma

Mulheres protagonizam um mundo em evolução


Kelly Key desabafa: "Infelizmente, a mulher ainda é muito sexualizada"

Kelly lançou coleção fitness - reprodução/Instagram
Kelly lançou coleção fitness Imagem: reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

30/08/2019 15h17

O macacão cinza usado por Kelly Key em foto publicada anteontem (28), no Instagram, fez com que comentários machistas surgissem na rede social. A cantora, que acaba de lançar uma coleção de roupas fitness, falou sobre as mensagens que tratam seu corpo como objeto sexual.

"Um pingo de tinta virou uma mancha enorme. Infelizmente, a mulher ainda é muito sexualizada. Mas preciso informar que o look esgotou depois da polêmica", disse ela ao jornal "O Globo". A peça em questão foi produzida pela "Honey Be" em parceria com Kelly.

A dona do hit "Baba" mergulhou de vez no universo fitness. Agora, aos 36 anos, Kelly também fala abertamente sobre sua reeducação alimentar e deixa claro que não procura dietas. A ideia é se alimentar de maneira saudável, sem radicalizar no cardápio.

"Mudei completamente meus hábitos quando completei 30 anos. Essa idade foi um divisor de águas. Passei a malhar forte e repensei minha alimentação. Antigamente, coisas verdes não entravam no meu prato. Achava que era capim. Hoje, depois de um período mais radical, não faço nenhum tipo de dieta. Mas tudo é moderado. Fui reeducada", explicou.

"Não me sinto pressionada a ter o corpo perfeito. O que eu faço é compartilhar saúde entre meus seguidores. A matemática é uma só: alimentação legal e treino são iguais a físico saudável", disse Kelly Key, que tem mais de 7 milhões de fãs só no Instagram.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Transforma