Topo

Transforma

Mulheres protagonizam um mundo em evolução


Mulher de Daniel Alves rebate pressão para vir ao Brasil: "Mulher trabalha"

Daniel Alvez e a mulher, Joana Sanz - Getty Images
Daniel Alvez e a mulher, Joana Sanz Imagem: Getty Images

Caio Coletti

Do UOL, em São Paulo

13/08/2019 10h38

Os posts da modelo Joana Sanz no Instagram têm sido invadidos, ultimamente, por comentários de brasileiros pedindo que ela venha morar no Brasil, para acompanhar o marido, o jogador de futebol Daniel Alves, que foi contratado pelo São Paulo.

A própria modelo, no entanto, explicou o motivo de não ligar para a pressão. "Estamos espantados com essas mentalidades de muito tempo atrás", comentou. "A mulher trabalha, sim, trabalha".

Sanz também é defendida por fãs nas redes sociais. "Joana tem uma carreira que construiu sozinha, não existe uma obrigação onde a mulher tem que sacrificar o seu trabalho para acompanhar a do parceiro. Parem de cuidar da relação alheia, os dois são bem-sucedidos e não precisam de palpiteiros", escreveu uma.

"As pessoas têm uma imensa dificuldade em compreender que ninguém nasce colado. A mulher tem uma carreira internacional, vai largar tudo para ir ao Brasil ? Sendo que tanto um como outro tem dinheiro o suficiente para pegar um avião e se ver quando quiserem?", disse outra.

Solapa

Uma publicação compartilhada por Joana Sanz (@joanasanz) em

Mais Transforma