Topo

Mãe que fez 1º chá revelação critica evento: "Quem liga para sexo do bebê?"

Reprodução/Facebook
Imagem: Reprodução/Facebook

De Universa

26/07/2019 15h39

Chás de revelação do sexo de bebê são cada vez mais populares, e a decoração dividida entre azul, para meninos, e rosa, para meninas, faz parte dos mais tradicionais. Balões, bolo colorido por dentro, lembrancinhas dos convidados. Tudo é programado para responder a uma questão: é menino ou menina?

Uma das mães pioneiras na realização deste tipo de festa, no entanto, veio a público para contestar a imposição de gênero que o ritual pode representar para pais e, especialmente, para os bebês. A blogueira estadunidense Jenna Karvunidis fez um post no Facebook reavaliando sua "contribuição aleatória para essa cultura".

Ela é considerada a primeira a divulgar uma festa para revelar o sexo do bebê no mundo - já que, em 2008, quando esse evento ainda não era tão comum, publicou um vídeo no Youtube com a festa do nascimento de sua filha e, na ocasião, escreveu sobre ele em um fórum de maternidade.

Agora, com uma foto de sua família, Jenna resolveu avaliar como os chás revelação têm sido feitos e revelou um detalhe importantíssimo na história: sua filha, Bianca, que foi a protagonista da festa, agora é uma "menina que veste ternos", como ela descreve.

Chá de revelação do sexo do bebê: pioneira critica evento

Na publicação, Jenna fala sobre o fato de ter sido uma das primeiras a fazer um chá revelação, em 2008. Na época, a festa de "é uma menina!" virou assunto em fórum na internet e de matéria de revista.

Onze anos depois, Jenna avalia o impacto de se fazer uma festa para valorizar o sexo biológico do bebê.

"Uma coisa estranha surgiu no Twitter, então eu pensei em compartilhar aqui. Alguém lembrou que fui eu quem 'inventou' o chá de revelação de gênero. Eu havia escrito sobre a minha festa no meu blog e em um fórum para pais em julho de 2008. (...) Senti um mix de sentimentos sobre minha contribuição aleatória para a cultura.

Apenas explodiu em loucura depois disso. Literalmente - armas disparando, incêndios florestais, mais ênfase no gênero do que alguma vez foi necessário para um bebê. Quem liga para o sexo que o bebê tem? Eu fiz na época porque não vivíamos em 2019 e não sabíamos o que sabemos agora - que atribuir foco ao gênero ao nascer deixa de fora tanto do seu potencial e talento, que não têm nada a ver com o que está entre suas pernas", explicou.

Jenna, então, conta que tem um plot twist para contar ao mundo: "O primeiro bebê de festa de revelação de gênero do mundo é uma garota que usa ternos!", continuou. Jenna se refere à sua filha, Bianca, que aparece no centro da foto da família usando roupas que são socialmente vistas como "para meninos".

Diversidade