Topo

Moda

Kim Kardashian batiza modeladores de Kimono e é acusada de apropriação

Da Universa

26/06/2019 10h34

Kim Kardashian revelou nesta terça (25) sua linha de cintas modeladoras. O nome da novidade, porém, deixou muita gente revoltada e fez com que a socialite fosse acusada, mais uma vez, de apropriação cultural.

"Finalmente posso compartilhar com vocês esse projeto que eu tenho desenvolvido no último ano. Sou apaixonada por isso há 15 anos. Kimono é a minha linha de modeladores e soluções para mulheres", disse orgulhosa em suas redes.

O que muita gente não entendeu foi o nome dado à linha -- kimono, a vestimenta tradicional japonesa. "Nossa, Kim Kardashian. Obrigada por destruir a cultura japonesa. A minha cultura não é um brinquedo. Você não tem qualquer respeito pelas pessoas que não são da sua família, não é mesmo? Em 15 anos desenvolvendo esse projeto, você não poderia ter arrumado um consultor cultural?"

"Hey, moça americana. Isso é um kimono"

"Absolutamente de mau gosto e feio. Você tem ZERO respeito pela cultura japonesa. O que há de errado com você? Sou do Japão. Para nós, kimono representa beleza e elegância. Sua linha de lingerie de spandex não tem nada a ver com isso. Estou ofendida"

Para os seguidores, só há uma explicação para a escolha do nome:

Moda