Topo

Mês do Orgulho LGBTQ+


"Isso não é uma situação nova", diz lésbica agredida em ônibus de Londres

Melania Geymonat e Chris - Reprodução/Facebook
Melania Geymonat e Chris Imagem: Reprodução/Facebook

Da Universa

10/06/2019 11h57

Depois de compartilharem a agressão que sofreram em um ônibus de Londres, Melania Geymonat, e a namorada, Chris, falaram sobre a repercussão do caso após a prisão dos agressores.

O casal levou socos e pontapés após negar a troca de beijos a pedido de um grupo de rapazes. "Eu estava e ainda estou brava. Foi assustador. O que está me deixando mais enfurecida é que isso não é uma situação nova", desabafou a americana Chris em entrevista à BBC.

"Eu não tenho medo de ser lésbica assumida. Existem muitos direitos em risco e a segurança básica das pessoas também. Quero que as pessoas se sintam encorajadas a se defender e a defender um ao outro", concluiu.

A uruguaia Melania, de 28 anos -- que é médica e trabalha como comissária de bordo na Ryanair --, tornou o episódio público depois em uma postagem no Facebook. O conteúdo se tornou notícia em todo o mundo. Ela também comentou o episódio. "A violência não é só porque somos mulheres saindo com mulheres. Mas sim porque simplesmente somos mulheres", afirmou à BBC.

O prefeito de Londres, Sadiq Khan, condenou o ataque e o considerou "nojento e misógino", acrescentando que crimes de ódio contra a comunidade LGBTQ não seriam tolerados.

O músico Sam Smith usou seu Instagram para dar apoio ao casal e reforçou que ainda existe muito a ser feito na luta contra a violência na comunidade LGBTQ.

"Essa foto parte meu coração toda vez que eu a olho. Espero que isso deixe claro (especialmente durante o mês do orgulho) como ainda há muito pelo lutar! Para as duas garotas desse ataque, todo meu coração e minha alma vão para vocês e para todos os sobreviventes de ataques homofóbicos que estão acontecendo diariamente e de hora em hora em todo o mundo agora", escreveu, ao compartilhar a foto das jovens sangrando após as agressões.

Mais Mês do Orgulho LGBTQ+